sábado, 24 de maio de 2014

Greve do Ipern ganha força com grande adesão da categoria

Os servidores do Instituto de Previdência dos Servidores Estaduais do Rio Grande do Norte (IPERN) estão em greve desde a última terça-feira (20). O movimento chega a sua primeira semana ainda mais forte, contando com a adesão maciça da categoria.

A pauta de reivindicações da categoria é composta de reposição de perdas salariais na ordem de 35%, reestruturação da carreira e realização de Concurso público. As perdas acumuladas é fruto de 5 anos sem reposição salarial, onde nesse período cerca de um terço do salário foi perdido para a inflação. O movimento dos trabalhadores tem se concentrado nas cidades de Natal, Mossoró e Caicó.

Na capital potiguar, os trabalhadores centralizam as atividades de greve em frente à sede do Instituto. Até o momento o Governo do Estado não se manifestou, tampouco sinalizou quando apreciará a pauta da categoria.


Nenhum comentário: