quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Agripino negocia com PMDB porque acha que Rosalba "cairá na real"

Clima entre Carlos Augusto e Agripino já foi melhor

"Rosalba e Carlos Augusto vão cair na real e entenderão na hora da decisão, que não há condição de se ter candidatura à reeleição". A afirmação é do senador José Agripino (DEM), feita em conversa recente com lideranças do seu próprio partido. Agripino acha que Rosalba não tem mais condições de disputar a reeleição deste ano.

A fonte do blog contou que as conversas com o PMDB, encetadas por Agripino, são uma forma de tentar salvaguardar pelo menos o mandato de deputado federal que a legenda tem hoje em dia no Rio Grande do Norte. Coincidência ou não, o federal é o deputado Felipe Maia, filho de José Agripino.

A opinião de Agripino é a de que na hora das definições, Rosalba e o seu esposo, Carlos Augusto Rosado, entenderão que ele não poderá oferecer legenda à reeleição para sacrificar o projeto do partido, que neste momento, segundo o próprio senador, é pelo menos manter as bancadas federal e estadual. Hoje, o Democratas tem três deputados estaduais com boas chances de vitória. Sozinhos, no entanto, suas chances são mínimas. No máximo, um dos três se elegeria.

A fonte também revelou que é por este motivo que em nenhum momento Agripino tem se definido publicamente pela reeleição de Rosalba, para não deixar brechas para que no futuro a governadora queria cobrar sua posição.


Henrique diz que PMDB tem quatro pré-candidatos ao Governo

Sem se esquivar, o deputado federal Henrique Eduardo Alves (PMDB) disse hoje no encontro do seu partido, que a legenda ainda não definiu qual nome disputará o Governo com a sua chancela. Uma coisa, no entanto, é certa: a escolha está entre quatro nomes, sendo três da família Alves.

O próprio Henrique não se exclui e ainda chama para a mesa o primo e ministro da Previdência, Garibaldi Alves Filho (PMDB), além do sobrinho Walter Alves (PMDB), filho de Gari. Como "preferido", ele garante que continua o ex-senador Fernando Bezerra (PMDB), que estava afastado da política desde 2006, mas que Henrique quer desenterrar.

Henrique não disse nenhuma novidade, mas é fato que ao se incluir mais uma vez, mostra que está tomando gosto pela disputa.

No entanto, garante, este mês de fevereiro não será para definições da majoritária, mas para costurar alianças.

O PMDB decidirá entre Wilma de Faria (PSB) e Fátima Bezerra (PT) quem será a sua candidata ao Senado Federal. Grandes chances para a primeira, mas se o Governo Federal bancar, Fátima pode vir a ser a escolhida. Aguardemos, pois.


Prefeito vistoria equipamentos da UPA do Belo Horizonte

O prefeito Francisco José Júnior (PSD) visitou hoje as instalações da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Belo Horizonte e reafirmou o compromisso de entregar o equipamento à população ainda em fevereiro. A visita, com propósito de realizar o checklist, contou com a equipe de saúde, incluindo enfermeiros, bioquímicos, Vigilância Sanitária.

A secretária de Saúde, Leodise Cruz, ressaltou que falta pouco para conclusão e condições de funcionamento. “Estamos realizando essa visita para verificar equipamentos imobiliários e avaliar quais faltam para serem adquiridos. O principal objetivo é dar um direcionamento para o que ainda falta em sua estrutura, concluir e colocar em funcionamento o mais rápido possível”, destacou. 

Segundo o prefeito a UPA do Belo Horizonte será uma unidade modelo, com um papel importante na área da saúde para Mossoró e região. Em funcionamento irá desafogar o Hospital Regional Tarcísio Maia, pois, trata-se de um equipamento regionalizado que atenderá também municípios vizinhos. Com a companhia da equipe de saúde o gestor visitou todos os departamentos da unidade e deixou claro que tem pressa para entregar a unidade.

“Decidimos por essa visita para fazer um levantamento de tudo que está faltando. Estamos acompanhados de uma equipe da saúde, com bioquímicos, Vigilância Sanitária, que também farão a vistoria das instalações. Ainda em fevereiro faremos a entrega da UPA”, afirmou.


quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Francisco José Jr. divulga calendário de pagamento da Prefeitura de Mossoró em 2014

O servidor público municipal vai receber os seus salários em dia, dentro do mês. Foi o que garantiu hoje o prefeito Francisco José Júnior (PSD), em entrevista coletiva, para anunciar este e outros benefícios.

Francisco José afirmou que a divulgação do calendário garante tranquilidade ao servidor e reafirma o compromisso de que a sua gestão trabalhará para manter a estabilidade política e administrativa da cidade.

"O servidor receberá em dia porque assim deve ser. É obrigação da prefeitura e vamos cumprir com esse compromisso, até porque o nosso servidor merece", argumentou.

Além dessa ação, Francisco José Júnior também anunciou o reajuste dos salários dos professores da rede municipal, cumprindo com o piso nacional da categoria.

Veja o calendário de pagamento dos servidores públicos municipais em 2014:

JANEIRO - 31
FEVEREIRO - 28
MARÇO - 29
ABRIL - 30
MAIO - 30
JUNHO - 28
JULHO - 31
AGOSTO - 30
SETEMBRO - 30
OUTUBRO - 29
NOVEMBRO - 29
DEZEMBRO - 31
* O décimo terceiro salário continuará sendo pago no mês de aniversário do servidor.


Comperve da Uern orienta sobre impressão do cartão de inscrição do vestibular

A Comissão Permanente de Vestibular (COMPERVE/UERN) informa aos candidatos que irão participar do Processo Seletivo Vocacionado (PSV 2014) que o Cartão de Inscrição do Candidato pode ser impresso até o dia 02 de fevereiro, quando começa a aplicação das provas do PSV 2014. Serão dois dias de prova – 02 e 03 de fevereiro.

O diretor da COMPERVE, Prof. Egberto Mesquita orienta aos candidatos que façam a impressão do Cartão com antecedência. O Cartão conta com espaço para a colocação da foto 3x4 (recente) e contém informações sobre o local de prova, além dos dados pessoais, bem como o curso e a língua estrangeira escolhidos pelo candidato.

Egberto Mesquita destaca que a apresentação do Cartão não é obrigatória, seu caráter é orientativo. “O candidato não vai deixar de fazer a prova se não levar o cartão, mas sua impressão evita atropelos e facilita o acesso do candidato ao local de prova”, afirma Egberto ressaltando que é obrigatória a apresentação de um documento oficial com foto (Exemplo: RG, CNH, Passaporte ou Carteira de Trabalho). Sem documento oficial com foto, o candidato não poderá participar do vestibular e estará automaticamente desclassificado.

Uma das novidades do PSV 2014 é a realização das provas no período vespertino. Os portões abrem às 12h45 e fecham às 13h15, as provas começam a ser aplicadas às 13h30 (horário local).

Para imprimir o Cartão o candidato deve informar o número do CPF e o ano de nascimento. Acesse o endereço clicando NESTE LINK.


terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Carnaval de Mossoró sai da Estação das Artes para ocupar ruas da Rio Branco

A Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria da Cultura, lançou na tarde desta terça-feira, 28, no auditório da Estação das Artes Elizeu Ventania, o carnaval 2014. Na ocasião, foi anunciado todo o planejamento do evento, novidades e investimento.

Para o evento desse ano o prefeito anunciou um investimento de 450 mil reais. Desse valor, 174 mil destinam-se a ajuda de custo para as agremiações. O secretário da Cultura, Gustavo Rosado, destacou o novo formato do evento e ressaltou a importância de realizar um grande carnaval mantendo as tradições. “O carnaval de Mossoró a cada ano vai crescendo, vai se consolidando. Vamos realizar um grande carnaval sem que para isso tenhamos que passar por cima das nossas tradições”, disse.

Algumas novidades foram anunciadas. O contrário de anos anteriores, o desfile das escolas de samba e blocos não acontecerá na Estação das Artes. As atrações serão transferidas para Rio Branco com camarote em frente ao Memorial da Resistência. Até o anuncio das campeãs, os foliões contarão com uma orquestra de frevo. Na sequência, dois trios elétricos, um com uma banda de samba e pagode e outra com a atração principal.

O carnaval de Mossoró compreende uma programação que será desenvolvida de 20 de fevereiro a 5 de março, com um total de 26 eventos. O prefeito anunciou que a ajuda de custo destinadas as agremiações será divulgada no dia 5 de fevereiro. Acrescentou ainda que, mesmo com as dificuldades financeiras a Prefeitura não poderia deixar de realizar o evento.

“Não poderíamos deixar de firmar o compromisso da municipalidade com o carnaval da cidade. Nós temos que reconhecer o que as organizações fizeram pelo carnaval de Mossoró. Decidimos realizar o evento, mesmo com as dificuldades, também, como reconhecimento do trabalho dessas pessoas”, enfatizou.


Prefeitura paga salários no dia 31, já com reajuste de professores

A Prefeitura de Mossoró, através da Secretaria de Administração, confirma para sexta-feira, 31, o pagamento dos servidores da administração municipal. O agendamento do depósito em dia, além de ser uma prática do Município, proporciona segurança para os servidores que dessa forma poderão manter os compromissos financeiros em dia.

De acordo com o secretário de Administração, Sebastião Almeida, a remuneração dos professores será depositada com o reajuste de 8.32, anunciado na última semana, e com o rendimento que corresponde a 1/3 das férias.


Uern não terá aulas na segunda-feira (3) por causa do vestibular

As atividades letivas da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) serão suspensas na próxima segunda-feira, 3 de fevereiro, no Campus Central, Campi Avançados e Núcleos Avançados de Ensino Superior (NAES) devido à aplicação das provas do Processo Seletivo Vocacionado (PSV/2014).

As provas do PSV 2014 começam a ser aplicadas no domingo, 2 de fevereiro, em Mossoró e em mais cinco cidades onde a UERN possui Campus: Natal, Caicó, Assu, Pau dos Ferros e Patu.

Para não haver prejuízo ao Calendário Universitário, uma resolução do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE) inclui o dia 15 de fevereiro como dia letivo no Calendário Universitário 2013.



Francisco José Júnior recebe o apoio do Partido da Solidariedade

A administração do prefeito Francisco José Júnior recebeu nesta segunda-feira mais um apoio partidário. O Partido da Solidariedade, presidido em Mossoró pelo Vereador Soldado Jadson anunciou que seu partido integra a base de partidos que dão sustentação política a atual gestão. O anúncio foi feito pela direção municipal da sigla em reunião que contou com a presença do prefeito e de filiados do PSD, partido ao qual o prefeito é filiado.

O Solidariedade é um partido recém-criado e que vem ganhando força nacional em razão de suas bandeiras de defesa do trabalhador brasileiro. Em Mossoró, o partido conta com a liderança do vereador Soldado Jadson que agregou a sigla importantes e experientes lideranças políticas. 

Comentando sobre a posição de apoio a administração municipal, o Soldado Jadson explicou que tem acompanhado a atuação do gestor Francisco José Júnior e tem percebido medidas acertadas para que Mossoró continue se desenvolvendo e compromissos comuns defendidos pelo seu partido como bandeiras de luta.

A administração vem aos poucos recebendo apoios partidários que se somam numa grande aliança de defesa das medidas administrativas que se mostram eficientes e adequadas para o momento político que a cidade vem passando. Além do Solidariedade, outros partidos como o PT e o PRTB já formalizaram apoio à gestão.


domingo, 26 de janeiro de 2014

Alex Moacir intermedeia encontro de prefeito com agentes de proteção

Os agentes de proteção do município de Mossoró foram recebidos pela primeira vez por um chefe do poder executivo na terça-feira (21), por intermédio do vereador Alex Moacir (PMDB), presidente da Câmara Municipal de Mossoró, que agendou audiência com o prefeito Francisco José Júnior (PSD). Durante a reunião, os agentes apresentaram ao prefeito uma pauta de reivindicações, das quais, de imediato, o prefeito garantiu a disponibilização de um local central para a realização de reuniões com os agentes, e a disponibilização de transporte para a realização do trabalho de fiscalização.

De acordo com a coordenadora dos agentes de proteção, Marileide Franco, há aproximadamente seis meses o trabalho está suspenso por problemas estruturais. “Sabemos que nós somos ligados ao Tribunal de Justiça, mas precisamos da ajuda do município para realizar esse trabalho. Agradecemos à sensibilidade do prefeito Francisco José Jr, e principalmente do vereador Alex Moacir, que possibilitou esse encontro”, afirmou a coordenadora dos agentes.

Além de assegurar um local para a realização de reuniões e o transporte para a realização das rondas, o prefeito também se comprometeu a fazer um estudo para disponibilizar rádios amadores para os agentes, outra reivindicação apresentada pela categoria.

O vereador Alex Moacir agradeceu a sensibilidade do prefeito em prontamente agendar uma audiência para ouvir a categoria. “Agradeço ao prefeito por ter nos recebido. Estou feliz por termos conseguido encontrar uma solução para este pleito, que irá interferir diretamente na segurança e na integridade dos menores”, afirmou.


Sandra e Larissa pressionam Wilma para conversar sobre aliança proporcional

O Partido Socialista Brasileiro (PSB) passará a dar prioridade também a coligações proporcionais, em reunião nesta segunda-feira (27), às 17h, em Natal. Detalhes do encontro foram acertados entre a presidente estadual do PSB, Wilma de Faria, a deputada federal Sandra Rosado (PSB) e a deputada estadual Larissa Rosado (PSB), em Tibau, hoje (26). As parlamentares estão de olho nas alianças por conta do enfraquecimento da legenda na busca pela renovação dos seus mandatos.

O problema é que o PSB aparece forte para a aliança proporcional, mas está prejudicado na proporcional. Hoje, por exemplo, não teria potencial para renovar o mandato de Sandra em Brasília. A não ser que Wilma fosse candidata a deputado federal, o que parece cada vez mais difícil, já que ela toma gosto pela disputa ao Governo.

 A reunião contará com todos os deputados estaduais do PSB no RN, entre outras lideranças, e norteará estratégia do partido à eleição para Assembleia Legislativa. “Queremos fortalecer ainda mais nossa bancada no Parlamento e, para isso, precisamos dar atenção também, nesse momento, à formação da coligação proporcional”, diz a deputada Larissa.

Segundo a parlamentar, o PSB vem avançando no diálogo para a chapa majoritária, com o nome de Wilma de Faria bem lembrado para Governo do Estado e Senado. “Porém, precisamos também evoluir nas conversas com partidos para a chapa proporcional, e não só para a Assembleia Legislativa, mas para a Câmara dos Deputados”, frisa a deputada.

Afinidades
Larissa, com Sandra Rosado, foi anfitriã de Wilma de Faria em almoço neste domingo, que reuniu em Tibau prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e outras lideranças políticas de vários municípios. Entre os presentes, a vereadora Izabel Montenegro, presidente em Mossoró do PMDB, com quem o PSB continua avançando para aliança em 2014.

Em entrevista à TV Mossoró, Wilma de Faria destacou avanço de conversas com o PMDB, e revelou disposição pessoal de concorrer ao Senado. “Mas, não é projeto individual nem existe nada decidido. O diálogo está avançando, com o PMDB e outros partidos, e esperamos que até o final de abril tenhamos definições”, disse a vice-prefeita de Natal.


terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Comperve divulga concorrência do PSV 2014

A Comissão Permanente do Vestibular (COMPERVE/UERN) divulga a concorrência do Processo Seletivo Vocacionado 2014 (PSV 2014), no qual são ofertadas 2.180 vagas nos cursos de graduação da UERN. “Neste processo, dos 25.355 inscritos, tiveram suas inscrições confirmadas pela Comperve 15.198 candidatos. Esses números são semelhantes aos de outros anos, pois muitos candidatos realizam a inscrição, mas não efetuam o pagamento ou perdem os prazos”, afirma o diretor da Comperve, prof. Egberto Mesquita.

Com 1.657 candidatos inscritos, o curso de Medicina - 2º semestre lidera a concorrência geral, com 127,46 candidatos por vaga. A segunda opção de curso mais concorrida é Medicina - 1º semestre, com 114,15 candidatos por vaga. Em terceiro lugar aparece Odontologia, do Campus de Caicó, com 53,77 candidatos por vaga.

Na cota social, o curso mais concorrido foi o de Odontologia, com 25,60 candidatos por vaga, seguido de Medicina - 2º semestre, com 24,06 candidatos por vaga, e o terceiro foi o curso de Enfermagem 2º semestre (Campus Avançado de Pau dos Ferros), com 21,61 candidatos por vaga.

Com relação à concorrência para cota destinada às pessoas com deficiência, aplicada nesse PSV, o curso de Medicina no 2º semestre tem 19 candidatos inscritos para concorrer as 2 vagas reservadas para esta cota, sendo então 9,50 candidatos por vaga. Para concorrer as 2 vagas de Medicina - 1º semestre, há 14 inscritos, 7 candidatos por vaga. Seguindo a mesma proporção temos o curso de Direito de Mossoró, com 7 candidatos por vagas, das 2 reservadas. O prof. Egberto Mesquita lembra que “dos cursos que não tiveram candidatos com deficiência inscritos, as vagas não ocupadas voltam a fazer parte das vagas da classificação geral”.

Listas
A Comperve publica também a lista de candidatos contemplados pelos sistemas de cotas social e para pessoas com deficiência, benefícios comprovados com a entrega da documentação exigida em edital. As provas do PSV 2014 serão realizadas nos dias 2 e 3 de fevereiro, simultaneamente nos municípios de Mossoró, Assu, Pau dos Ferros, Patu, Natal e Caicó. “Outra informação relevante é que neste ano as provas serão realizadas no período da tarde, das 13h30 às 17h30”, destaca o prof. Egberto Mesquita.

Cartão
A Comperve informa que a partir do dia 24 de janeiro serão liberados os cartões de identificação dos candidatos, que contêm os dados pessoais dos candidatos e o local de prova. O candidato deve colar no cartão uma foto 3x4 recente datada a partir de 2011.


segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Professor Francisco Carlos aprova projeto que garante língua espanhola na rede municipal de ensino

O espanhol é o segundo idioma mais falado no ocidente, com mais de 400 milhões de pessoas adotando-o como língua materna, servindo cada vez mais nas relações sociais e de troca econômica entre os países do Mercosul e NAFTA. O domínio dessa língua por brasileiros, portanto, é importante do ponto de vista social, econômico e cultural.

O Projeto de Lei apresentado pelo vereador Professor Francisco Carlos e já aprovado pela Câmara Municipal de Mossoró no final ano legislativo de 2013, dispõe sobre a oferta do ensino de língua espanhola das escolas da Rede Municipal de Ensino de Mossoró, nas turmas do 6° ao 9° ano do ensino fundamental.

A disciplina deverá ser ministrada exclusivamente por professor devidamente habilitados por meio de formação superior em Letras com habilitação em Língua Espanhola, devendo a Prefeitura Municipal de Mossoró promover o preenchimento de vagas no seu quadro de docentes, como decorrência deste projeto.

O professor Francisco Carlos asseverou que “essa é mais uma ação do nosso mandato em defesa do ensino público de qualidade”, concluindo que, agora, espera a sansão pelo executivo e a tomada de medidas que possam tornar efetiva essa ação que, segundo ele, “contribuirá para melhoria da qualidade do ensino e da formação dos nossos alunos da rede municipal de ensino”.


Bandidos arrombam agência da Caixa no RN e roubam cofre

Uma agência da Caixa Econômica Federal (CEF), na cidade de Goianinha, foi invadida por uma quadrilha na madrugada deste domingo (19). O crime foi registrado pela Polícia Militar e, segundo ela, o bando arrombou um dos cofres (usando marretas) e roubou as armas dos vigilantes.

O local teria sido invadido pelo teto e, após entrar, a quadrilha foi até os cofres e, demonstrando conhecimento do local, arrombou apenas o que tinha dinheiro – haviam dois e o outro, que estava vazio, não foi mexido. Antes de sair, o bando ainda levou quatro revólveres da sala da segurança armada.

A Polícia Federal vai investigar o caso.

* Fonte: Portal No Ar.com



Ministério Público Federal discutirá impacto ambiental com salineiros

Mossoró sediará, no próximo dia 4 de fevereiro, uma audiência pública promovida pelo Ministério Público Federal (MPF) para debater os impactos ambientais das empresas salineiras no Rio Grande do Norte. Representantes de órgãos ambientais e empresários do setor devem participar da discussão, que será aberta a todos os interessados e ocorrerá no auditório do Centro Tecnológico do Agronegócio (Ctarn), no Campus Leste da Ufersa.

A audiência é uma iniciativa das procuradoria da República nos Municípios de Assu e Mossoró e vai ser realizada em dois turnos, das 9h às 14h e das 15h30 às 17h30. Estão sendo convidados representantes do Ibama, do Idema e de um total de 25 empresas do setor, além de integrantes da comunidade acadêmica e da sociedade civil organizada.

O MPF pretende, através da audiência, obter informações que subsidiem 23 procedimentos que tramitam nas PRMs de Assu e Mossoró e têm como objeto “as complexas questões ambientais, sociais e econômicas envolvendo o setor de indústrias salineiras do Estado do Rio Grande do Norte, especialmente no que tange à ocupação de áreas de preservação permanente (APP)”.

Dentre os objetivos também estão o de esclarecer, junto às empresas que eventualmente ocupem faixa de APP, sobre o interesse em assinar um termo de ajustamento de conduta com vistas à desocupação dessas áreas; bem como a respeito do andamento do processo de regularização daquelas que foram autuadas por funcionarem sem licença ambiental.

Durante o período da manhã, os procuradores da República abrirão a audiência e haverá espaço ainda para o pronunciamento dos representantes do Ibama, do Idema e de 25 empresas autuadas na chamada Operação Ouro Branco, realizada no início de 2013. À tarde, os demais interessados poderão fazer uso da palavra para expor opiniões e propor soluções e encaminhamentos. Ao final, os membros do MPF farão uma avaliação geral e indicarão as próximas providências a serem tomadas.

Os interessados poderão se inscrever previamente através do e-mail atendimento_prmassu@prrn.mpf.gov.br e o edital está disponível no site do MPF/RN (www.prrn.mpf.mp.br).


domingo, 19 de janeiro de 2014

Francisco José Jr. admite ser candidato sem apoio de Rosalba ou Sandra

Francisco José Jr. durante a entrevista ao De Fato.com (Foto: Cézar Alves)

O prefeito Francisco José Júnior (PSD) declarou hoje, em entrevista ao jornalista César Santos, no seu blog do portal De Fato.com, que pode ser candidato em possível eleição suplementar, mesmo sem o apoio das alas da família Rosado lideradas pela governadora Rosalba Ciarlini e pela deputada federal Sandra Rosado (PSB). É a primeira vez que Silveira, como é mais conhecido, declara de pública estar disposto a ir à disputa mesmo contra as forças mais tradicionais da política local.

A declaração de Francisco José Júnior cria um novo cenário, porque pode significar a primeira candidatura fora dos grupos tradicionais com chances de vitória. Veja abaixo a declaração sobre o assunto, na íntegra. Voltaremos ao assunto em breve:

O senhor está entre as duas alas políticas da tradicional família Rosado. Muito provavelmente, o senhor enfrentará esses dois grupos que vêm se alternando no poder nas últimas cinco décadas. O senhor acredita que é possível vencer os Rosados numa disputa eleitoral e estabelecer um novo cenário na polícia de Mossoró?
Entendo que a cidade está vivendo um momento ímpar, um momento diferenciado. Nós temos um não Rosado na Prefeitura, mesmo de forma interina. Temos políticos tradicionais com direitos políticos cassados por oito anos e outras novas situações. Penso que os Rosados deram e dão uma grande contribuição a Mossoró, isso é inegável, agora, estamos vivendo outro momento, que pode mudar o cenário da política local. Temos buscado novas parcerias, como a que definimos agora com o Partido dos Trabalhadores, que pode colaborar de forma importante para o desenvolvimento da cidade. O PT tem no seu corpo o DNA de técnicos capacitados, que podem e vão dar a sua colaboração de forma efetiva. Então, acredito que chegou a hora da mudança, e não apenas mudança de nome, até porque acho que todos devem somar para o bem da cidade, mas mudança de perfil, da forma de pensar e administrar Mossoró.

Como o senhor se prepara para enfrentar uma disputa eleitoral sem o apoio das duas alas da família Rosado?
Eu tenho respeito pela família Rosado, pela governadora Rosalba Ciarlini, pela deputada Sandra Rosado. Já votei em várias ocasiões na governadora Rosalba. Agora, a gente sabe que é praticamente impossível a gente ter o apoio dessas duas alas da família Rosado nas eventuais eleições suplementares. Mas quero dizer que a nossa gestão procura não envolver a questão eleitoral nesse momento. Queremos resolver os problemas, dar continuidade aos serviços essenciais para atender à população. Quando chegar a hora das eleições, serei candidato em linha alternativa para enfrentar as duas alas da tradicional família Rosado. E acho que está na hora de Mossoró experimentar outras e novas alternativas, ter outros sobrenomes conduzindo os destinos da cidade.


Prefeitura e Caixa assinam termo para construção de 844 unidades do Minha Casa, Minha Vida

A Prefeitura de Mossoró e a Caixa Econômica Federal vão construir um residencial com 844 unidades na Zona Leste da cidade, no bairro Alto da Pelonha. O anúncio foi feito em solenidade no Palácio da Resistência, que contou com a participação do prefeito Francisco José Júnior (PSD) e do superintendente da Caixa Econômica Federal, Roberto Sérgio Linhares. Veja no vídeo:





Alex Moacir reivindica agências da Caixa e BB para Zona Sul da cidade

O presidente da Câmara Municipal de Mossoró, vereador Alex Moacir, solicitou das Superintendências regionais do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal a instalação de agências/ Postos de atendimento na área que compreende os bairros de Nova Betânia, Aeroporto, INOCOOP, Portal do Sol e Ouro Negro, a Zona Sul da cidade.

"São constantes as reivindicações da população dessa área, que representa um expressivo fluxo de capital e de pessoas, sobre a ausência desses serviços nessa região. A disponibilidade de serviços bancários traria comodidade e agilidade a todos", ressaltou o presidente.


Comerciantes da Praça da Convivência reivindicam melhorias

O prefeito Francisco José Júnior recebeu, na tarde desta sexta-feira, 17, os comerciantes da Praça de Convivência para debater melhorias para o local. A reunião aconteceu no Palácio da Resistência e contou com a presença do vereador Jório Nogueira e do subsecretário do Trabalho, Turismo, Indústria e Comércio, Segundo Paula.

Os permissionários falaram sobre as dificuldades do espaço e solicitaram melhorias, como reparos no saneamento e reforma. O prefeito sugeriu que o grupo retomasse as atividades da Associação dos Comerciantes da Praça e determinou a criação de uma comissão, formada por permissionários e representantes da gestão municipal, para elaborar propostas e encaminhar soluções.

“A Praça da Convivência é um dos ambientes turísticos mais conhecidos e visitados da cidade. É um patrimônio não só da Prefeitura, mas dos comerciantes e de todos os mossoroenses. Propomos a criação de uma comissão que trabalhará durante um mês para viabilizar ações para o local”, afirmou o prefeito.

Os comerciantes, que foram recebidos pela primeira vez pela municipalidade com a presença do prefeito, acataram a sugestão e se comprometeram em colaborar com o processo de melhorias.


Reitor elogia postura do DCE no relacionamento com a administração uerniana

A nova gestão da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e o Diretório Central dos Estudantes (DCE) estão sintonizados na elaboração e busca de concretização de projetos que contemplem os alunos da instituição. A avaliação é do diretor colegiado do DCE, Ângelo Patrício.

O dirigente estudantil foi recebido em audiência pelo reitor Pedro Fernandes, nesta quinta-feira, 16, quando foram tratados diversos projetos para a melhoria dos estudantes como residência e restaurante universitários, bolsas de estágio e outros benefícios. “ A gente fica bem à vontade para falar sobre a nossa pauta porque o reitor conhece as demandas e demonstra vontade política”, destacou Ângelo.

Fazendo questão de dizer que não se trata de elogios gratuitos, mas de reconhecimento, o diretor do DCE afirma que esse entendimento é facilitado pela visão do reitor e da entidade de que as melhorias só chegam à universidade através de projetos. “ Esse entendimento é fruto de trabalho”, ressaltou Ângelo Patrício.

Ao comentar o recesso acadêmico, o estudante fez algumas restrições à parada, considerando que o período de férias só deveria ocorrer em situações de calendário normal. “ Se desde a última greve tivesse havido adequações...”, opina.

Ao receber a representação do DCE, o reitor voltou a dizer que a administração quer manter diálogo permanente com os segmentos acadêmicos e que a política estudantil na instituição está entre as prioridades da gestão Pedro Fernandes/Aldo Gondim.


quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Prefeito explica que não foi condenado a perda de direitos políticos

O prefeito interino Francisco José Júnior (PSD) explicou em nota divulgada hoje que não foi condenado à perda dos direitos políticos por conta de sentença envolvendo o processo da Operação Sal Grosso. Ele foi absolvido do processo por improbidade. Veja a nota abaixo:

NOTA DE ESCLARECIMENTO
A respeito da matéria publicada na manhã de hoje (08/01/2014) em alguns veículos de mídia, afirmando, em relação ao gestor interino municipal de Mossoró, que “Prefeito e vereadores são condenados em ação de improbidade” e ainda: “Ministério Público divulga que Silveira Júnior, parlamentares e ex-parlamentares terão a suspensão de direitos políticos por prazos de oito a dez anos”, venho de público, dizer que reputo completamente equivocadas, em relação à minha pessoa, as informações acima mencionadas. 

E faço tal afirmação com base na própria sentença prolatada pelo juízo da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Mossoró na Ação Civil de Improbidade Administrativa (processo nº 0600482-25.2009.8.20.0106), cujo teor não foi bem observado por parte de quem, precipitadamente, se ocupou em propagar na mídia, de forma distorcida, a realidade ali existente. 

Ora, por primeiro se diga que em instante algum a mencionada decisão impõe pena de inelegibilidade ou sequer chegou a cogitar tal medida em relação ao então vereador e agora prefeito interino Francisco José Lima Silveira Júnior. Aliás, a sentença absolve-me de um suposto ato de improbidade administrativa. 

Diz a sentença: 

“...Inicialmente, em relação aos demandados Francisco Dantas da Rocha, Francisco José Lima Silveira Júnior e Renato Fernandes da Silva, não vislumbrei em suas condutas a prática de ato de improbidade administrativa, nos termos apontados na exordial. Com efeito, quando analisado atentamente o material probatório documental e testemunhal contido nos autos, percebe-se que não houve conduta ilícita ou dolo nas suas condutas que permitam aferir a prática de conduta ímproba pelos mesmos. 

Em relação à situação dos demandados Francisco Dantas da Rocha e Francisco José Lima Silveira Júnior, o que ficou demonstrado foi que estes não tiveram a intenção de se locupletar da ausência de descontos dos créditos consignados em suas remunerações. Ao contrário, tão logo perceberam a irregularidade, tomaram as providências para sanear a situação. 

...Dessa maneira, em relação a estes dois réus descabe sancionamento por ato de improbidade administrativa, ante a ausência de conduta dolosa ou culposa, mas cabe apenas se lhes impor a obrigação de ressarcimento ao Erário das verbas que não foram descontadas dos seus contracheques, em atenção à vedação do enriquecimento sem causa contida no art. 884 do Código Civil, abrindo-se a estes demandados, todavia, a possibilidade de comprovar na fase de execução desta sentença, mediante documentação hábil para tanto, a eventual devolução de tais valores, caso já o tenham feito.

A única sanção imposta a mim – de cunho pecuniário, tão somente – ressarcimento ao erário mossoroense do valor de R$ 10.551, 59 (abatidos os valores eventualmente devolvidos apurados em sede de liquidação). Esclareço que no ano de 2005, solicitei diretamente à Câmara Municipal de Mossoró, que procedesse ao desconto na minha remuneração dos valores referentes a uma operação bancária realizada junto à Caixa Econômica Federal, restando ao meu sentir, há muito tempo compensados/restituídos tais valores, não havendo nenhuma obrigação de minha parte, nesse aspecto, de reparação junto ao poder público. 

Vejam ainda o que argumentou o Ministério Público em suas razões finais a meu respeito: 

“... no caso destes dois demandados nitidamente se percebe a ausência de qualquer elemento anímico de dolo ou de culpa a nortear a sua atuação no caso presente. O que se percebeu foi justamente o oposto, ou seja, a clara irresignação destes réus com a situação irregular em que se encontravam, tendo ambos inclusive, adotado uma postura proativa e fazendo de tudo ao seu alcance para evitar que a ausência dos descontos se perpetrasse durante o tempo”. 

Dessa maneira, para reposição da verdade, solicito a publicação dessa nota, como forma de informe correto ao público, evitando-se assim a disseminação de notícia inverídica. 

Convicto estou de que esse episódio não abalará a imagem de homem público íntegro e probo que venho edificando a cada dia, no decorrer do tempo juntos aos meus conterrâneos. 

Que Deus continue nos guiando pelos caminhos do bem. 

Francisco José Lima Silveira Júnior


Uisam voltará a funcionar normalmente na sexta-feira (10)

A Unidade Integrada de Saúde Mental (UISAM) retornará com o funcionamento normal na próxima sexta-feira, quando será disponibilizado um guarda civil para garantir a segurança de funcionários e usuários. De acordo com a secretária de Saúde, Leodise Cruz, as atividades foram suspensas devido à ausência de um guarda para fazer o trabalho da segurança, fato que acabou causando alguns transtornos entre pacientes e funcionários.

“Mesmo com a greve o comandante da Guarda Civil, Júlio César Fernandes, garantiu que vai encaminhar um guarda para o expediente do estabelecimento”, afirmou.


quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Prefeitura acerta patrocínio de R$ 400 mil para Potiguar e Baraúnas

O prefeito de Mossoró, Francisco José Júnior (PSD), reuniu representantes do Potiguar e Baraúnas e imprensa esportiva para anunciar o apoio de R$ 400 mil para os dois clubes. A solenidade aconteceu no Salão dos Grandes Atos do Palácio da Resistência nesta quinta-feira, 02.

O patrocínio teve um aumento de mais de 30% em relação ao do ano anterior. “Não estamos fazendo nenhum favor. Entendemos a importância do futebol, dos clubes e do trabalho social que desenvolvem no município”, disse o prefeito, explicando que o pagamento será realizado em cinco parcelas, pagas a partir deste mês de janeiro.

“Os clubes representam a cidade e se fazem uma boa campanha dignificam o nome de Mossoró. Agradeço a Prefeitura pelo apoio, em nome de toda a diretoria do Potiguar”, disse o presidente, Jorge do Rosário.

“Sabemos das dificuldades financeiras da gestão municipal e agradecemos pela atenção e apoio dado aos times”, complementou Izabel Montenegro, vereadora e presidente do Baraúnas. 

Participaram da reunião a secretária de Comunicação Social, Mirella Ciarlini, e os vereadores Celso Lanches, Genivan Vale, Soldado Jadson, Ricardo de Dodoca, Manoel Bezerra, Tassyo Mardony e Flávio Tácito.


Decreto regulamenta utilização dos símbolos municipais

Em solenidade realizada na tarde desta quinta-feira, 07, no Salão dos Grandes Atos, o prefeito assinou o Decreto de nº 4.272, que altera a redação do Art. 7° da Lei Orgânica do Município, que trata da utilização dos símbolos em âmbito das repartições públicas municipais.

A nova redação aprovada pela Câmara Municipal de Mossoró determina que as peças publicitárias do Município deverão utilizar exclusivamente o brasão Municipal como marca de gestão e “Prefeitura de Mossoró” como slogan. A partir de então os impressos do tipo papel ofício, envelopes, carnês de IPTU e formulários, itens utilizados nas rotinas administrativas, serão adequados à nova emenda.

De acordo com o vereador Soldado Jadson, autor da proposta, a emenda tem dois viés: “moralidade na política e acima de tudo economia para os cofres públicos”. Ele ressaltou que a Câmara de Mossoró é pioneira no cumprimento da lei da impessoalidade.

Para a secretária de Comunicação, Mirella Ciarlini, a aprovação da emenda terá como principal impacto a economia para os cofres públicos, considerando que a mudança de toda a comunicação visual da administração sendo feita a cada gestão gera um custo muito alto para o Município. Mirella destacou ainda a importância de firmar a marca do Município e não do administrador. “A partir de agora não ficará marcado o nome do gestor, mas será fortalecida a imagem da Prefeitura. Os gestores deverão deixar suas marcas através de seu trabalho e não de símbolos”, frisa.

Participaram da solenidade de assinatura do Decreto, além do prefeito, os vereadores, Alex Moacir, Manuel Bizerra, Celso Lanches, Isabel Montenegro, Cícera Nogueira, Laire Neto, Tassyo Mardony, Ricardo de Dodoca, Genivan Vale, secretários municipais e a imprensa local.


Vestibular da Uern é mantido para o dia 2 de fevereiro

O vestibular da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) será realizado dia 2 de fevereiro, como estava definido no calendário aprovado pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE). A Universidade decidiu manter a data, com a suspensão das eleições suplementares em Mossoró, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no último dia 30.

Como a decisão monocrática do presidente do TSE, ministro Marco Aurélio de Mello, suspendendo o pleito de 02 de fevereiro foi proferida antes do novo calendário, a Uern não vê razão para alterar as datas das provas.

A confirmação do PSV para os dias 2 e 3 de fevereiro foi feita em uma reunião do reitor Pedro Fernandes, Pró-Reitora de Ensino de Graduação, Inessa Linhares, Diretor da Comperve, Egberto Moreira, assessor jurídico, Lauro Gurgel, Chefe de Gabinete, Fátima Raquel e Pró-Reitor de Administração, Iata Anderson Fernandes.

Cartão do Candidato
A partir do dia 24 deste mês, a Comperve começa a entrega do cartão de identificação, contendo os dados pessoais, bem como o curso e a língua estrangeira escolhido pelo candidato e o local de realização das provas.

O cartão será disponibilizado pela internet: www.uern.br ou www.uern.br/comperve e ficará disponível até o primeiro dia de realização de provas. Este ano, o PSV será aplicado na parte da tarde, das 13h30 até as 17h30. Antes, dia 21, a Comperve divulga a concorrência, por curso. 25.355 candidatos estão concorrendo as 2.180 vagas ofertadas pela UERN.