terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

PMDB/DEM: nota oficial provoca alívio e desconfiança


A nota divulgada ontem por lideranças políticas de que não haverá neste momento qualquer rompimento envolvendo o PMDB com o Governo Rosalba provocou alívio em alguns e desconfiança em outros. Os rosalbistas entenderam que foi bom porque se o rompimento não veio agora, ficou claro que o PMDB ainda vê algum futuro na aliança.

Outros, mais céticos, entenderam que o PMDB estava apenas ganhando tempo para tentar conseguir mais espaços no Governo e depois, às vésperas da eleição, abandonar o barco. Se isso vai acontecer ou não, só o tempo dirá. Mas é fato que na Assembleia Legislativa o deputado estadual Nélter Queiroz não se fez de rogado e bateu fortemente em Rosalba, inclusive dizendo que o seu partido não a apoiará em 2014. Praticamente deu de ombros para o encontro de segunda-feira.

Como já escrevi aqui, repito: tudo passa pela avaliação do Governo Rosalba. Com a governadora bem, o PMDB revê o seu projeto. Com ela mal, será o primeiro a abandonar o barco. Aguardemos.


Nenhum comentário: