domingo, 27 de janeiro de 2013

Tragédia em Santa Maria liga sinal de alerta para todos nós

Ao tomar conhecimento dos detalhes envolvendo a tragédia de hoje em Santa Maria (RS) dá para se chegar fácil a uma constatação: a maioria das casa de show, especialmente as boates, não têm condições de reunir tanta gente em determinados eventos. Ora, caro leitor, qual a boate de Mossoró, em todos os tempos, que tinha saídas de emergência? Nenhuma. Todas elas, sem exceção só tinham ou têm uma entrada e saída. Ou seja: em caso de incêndio como o ocorrido em Santa Maria, as chances de mortes por asfixia eram enormes. Graças a Deus nunca aconteceu nada igual, mas como disse o especialista Moacyr Duarte na Globo News, o plano de prevenção existe para que, ao ser usado, possa salvar todas as vidas existentes naquele espaço.

O caso da boate Kiss, aonde aconteceu a tragédia que vitimou mais de 230 pessoas, deixa isso muito claro: sem alvará e realizando evento sem parecer técnico do Corpo de Bombeiros. O resultado todos nós sabemos diante da cobertura da Grande Imprensa brasileira.

Como pai, deixo aqui os meus pêsames a todos os moradores de Santa Maria. Como jornalista, a cobrança de investigação permanente até que todos os culpados sejam responsabilizados.


Nenhum comentário: