terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Casa de Saúde Dix-sept Rosado atrasa salários mais uma vez

Os funcionários da Casa de Saúde Dix-sept Rosado ameaçam paralisar as atividades no primeiro dia de fevereiro, sexta-feira. Motivo: atraso salarial.

Os funcionários ainda não receberam os salários de dezembro de 2012. A direção da casa alega que ainda não recebeu repasses do SUS, via Prefeitura de Mossoró. Quando isso ocorrer, promete, atualizará o pagamento.

O atraso salarial na Casa de Saúde Dix-sept Rosado é quase uma “regra”. Pertencente ao complexo de saúde Apamim, de grupo liderado pela deputada federal Sandra Rosado (PSB), a instituição nunca teve zelo com os seus funcionários. Por diversas vezes as atividades foram paralisadas, devido a falta de pagamento.

A exeção ocorre em ano eleitoral. Em 2012, quando foi iniciar a campanha pela Prefeitura de Mossoró, defendendo a candidatura da deputada Larissa Rosado (PSB), filha de Sandra, o complexo conseguiu dinheiro para atualizar a folha salarial que estava atrasada há três meses.

Passado a campanha, com insucesso nas urnas, o grupo voltou a atrasar os salários.

A crise financeira atingiu outros setores do complexo de saúde. A Justiça, inclusive, marcou leilão dos imóveis que pertencem a Apamim para pagar uma dívida a Cosern superior a R$ 1 milhão. O grupo conseguiu evitar o leilão e renegociou com a empresa credora.

*Com informações do Blog do César Santos


                      

Um comentário:

Anônimo disse...

Por que esse blog se omite em falar do atraso de pagamento do Hospital da mulher? O mês de outubro ainda nem foi pago.