quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Meta de assessoria jurídica é prender 50 eleitores por advogado

Já tem estratégia montada em determinada assessoria jurídica numa cidade que conheço bastante: a meta de cada membro da assessoria é “prender” pelo menos 50 eleitores no dia da votação.

Se os cerca de 40 contratados conseguirem isso, serão dois mil votos a menos. Para quem tem a campanha como vencida...

Mas tenham calma, caro leitor, isso não acontece em Mossoró, Natal ou Macau, cidades-base deste blog. Talvez em França, Oropa ou Bahia.

Em tempo: o termo "prender" não quer dizer que os causídicos vão sair por aí com camburão. Mas sim que eles vão usar o máximo possível de denúncias para botar o povo na jaula. Tá vendo?


Nenhum comentário: