domingo, 29 de abril de 2012

Governismo de Mossoró não pode esperar mais


Diante do avanço do nome da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) nos últimos dias, é hora do governismo começar a botar o bloco na rua. Ora, caro leitor, o PSB vinha trabalhando sozinho até então e não conseguia anunciar sequer um partido. Porém, a realidade agora é outra.

Não bastassem os nanicos, que já se decidiram agora também os grandes começam a se bandear para o lado da deputada. O PR já teve um pré-anúncio de apoio e pelo jeito a mesma coisa acontecerá com o PSD que já teve pronunciamento neste sentido de parte do seu presidente regional, vice-governador Robinson Faria.

O Democratas não pode mais esperar ou senão vai se ver sozinho, sem novos apoios e com uma chapa proporcional pesada. Além disso, a indefinição tende a dar mais espaço para que mais partidos caminhem para Larissa. É hora de definição.


Em Patu, ex-prefeitos Lair Solano e Popó se unem contra Evilásia



Em Patu, uma reviravolta na política local. O ex-prefeito Lair Solano Vale rompeu com o grupo do ex-prefeito Ednardo Moura e da atual prefeita, Evilásia Gildene. Lair vai lançar a esposa, Magnólia Solano, como candidata, pelo Democratas. A engenharia política trouxe para perto de Lair o grupo do ex-prefeito Possidônio Queiroga, o Popó. Ele indicará a sua irmã, conhecida como Maria dos Remédios.

Conversei com Lair Solano por telefone e ele alegou que o motivo principal do rompimento com Evilásia foi o descumprimento de compromissos assumidos anteriormente com o seu grupo. Além disso, Lair destaca que a administração está aquém do esperado.

A candidatura de Magnólia Solano terá o apoio da governadora Rosalba Ciarlini (DEM).


Receita Federal recebe até amanhã a declaração do Imposto de Renda 2012


O prazo para envio da declaração de Imposto de Renda Pessoa Física termina amanhã (30), mas, mesmo assim, 3,73 milhões de contribuintes ainda não acertaram as pendências com o Fisco. Até as 9h de hoje (29), balanço da Receita Federal mostrava a entrega de 21,27 milhões de declarações - aproximadamente 85,08% do total estimado para este ano (25 milhões).
“Faltam muitas declarações até o final do prazo que é amanhã. Quem não enviou é bom se apressar para não enfrentar surpresas de última hora, como a falta de documentos com as informações bancárias, por exemplo ”, alerta o supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir.
De acordo com Joaquim Adir, nesses casos, os extratos bancários para o preenchimento da declaração que não foram enviados pelos Correios pelas instituições financeiras estão disponibilizados na internet no site do banco. Para acessá-los, informou, basta o contribuinte utilizar a senha e os dados usados para verificar a conta bancária.
O prazo para a entrega começou no dia 1º de março e termina amanhã (30). A multa pelo atraso na entrega é R$ 165,74. Se o contribuinte estiver em dívida com o Fisco, poderá ser penalizado em até 20% do imposto devido, com o risco de ter o número do CPF suspenso. Caso tenha restituição, a multa será deduzida da restituição.
O programa gerador da declaração está disponível na página da Receita na internet. O contribuinte também deve baixar o Receitanet, aplicativo para transmissão dos dados, no mesmo endereço. A declaração pode ser enviada pela internet ou entregue em disquetes de computador nas agências da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil, sempre respeitando o horário de atendimento das agências.
Um tutorial na página da Receita Federal pode auxiliar o contribuinte a preencher a declaração. No siteainda é possível encontrar uma lista de perguntas e resposta para tirar as dúvidas mais frequentes.
Fonte: Agência Brasil

Assessor de Abelardo Rodrigues rebate nota do blog


O jornalista Abelardo Neto envia correspondência ao blog para rebater informação sobre condenação do ex-prefeito do Alto do Rodrigues, Abelardo Rodrigues Filho, em inspeção do Tribunal de Contas do Estado. Veja as explicações do caro colega: “A informação que você divulga sobre reprovação de contas do exercício de 2005 do ex-prefeito Abelardo Rodrigues não confere. A notificação se trata do resultado de uma inspeção especial, o que não compromete as contas como um todo.

Continua
“Pelo contrário, as contas do exercício em questão, já foram apreciadas pela corte e recebeu parecer pela sua aprovação. Confirmada posteriormente, pela unanimidade da Câmara de vereadores. Solicito ao jornalista que faça a reposição dos fatos com a verdade, e  caso considere necessá-rio, contacte a própria Câmara Municipal, para obter oficialmente todas as informações”.

Nota
Caro, Abelardo, realmente foi uma inspeção especial, mas em nada isso tira a situação de insegurança com relação a uma futura candidatura do ex-prefeito. Ele pode sim, de acordo com a legislação em vigor, não ter o registro deferido. Aliás, ter condenações em Tribunais de Contas é fator que tem evitado determinadas candidaturas. Sobre as demais assertivas, é verdade que as contas de 2005 foram realmente aprova-das tanto pelo TCE quanto pela Câmara.

Torcida
No mais, entendo que Abelardo foi um ótimo prefeito, alguém que refez a cara do município querido de Alto do Rodrigues. Porém, a minha torcida é que seja candidato quem puder ser e que a lei seja cumprida. Tanto faz ser Abelardo, o atual prefeito Eider Medeiros ou qualquer outro. O que importa no final é que tudo seja feito na maior lisura. E acredito que assim acontecerá no Alto. Grande abraço e escreva sempre.


sábado, 28 de abril de 2012

Sucessão de Alto do Rodrigues poderá ter reviravolta



O ex-prefeito de Alto do Rodrigues, Abelardo Rodrigues, apontado como favorito nas eleições deste ano, ganhou ontem um grande abacaxi para descascar. É que ele teve as contas do ano de 2005 reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) e vai ter de pagar uma multa de R$ 80 mil. É bom lembrar que o fato deixa Abelardo inelegível com base nas decisões da Justiça dos últimos anos que negou o registro de candidatura a quem teve as contas de gestor reprovadas.

A notícia é ótima para o prefeito Eider Medeiros, que já foi aliado de Abelardo e hoje é desafeto. Porém, Eider também enfrenta o mesmo problema: ele teve as contas reprovadas pela Câmara Municipal, o que também o coloca na condição de inelegível. Com as últimas decisões, poderemos ter mudanças importantes no futuro.

Foto: Blog do VT (www.blogdovt.com)


quarta-feira, 25 de abril de 2012

Chico da Prefeitura sofre enfarto, é reanimado, mas está na UTI


O vereador Francisco Dantas da Rocha (Chico da Prefeitura-DEM) sofreu um enfarto hoje à tarde, no Hospital Wilson Rosado. Segundo informações colhidas pelo blog com várias fontes, da família e do próprio hospital, ele teve a parada cardíaca, mas foi reanimado pela equipe do hospital. Ele está em estado grave e é mantido na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Chico foi internado ontem, depois de sentir fortes dores no peito. O vereador foi socorrido ao hospital, aonde recebeu os primeiros socorros. Depois de constatado um princípio de enfarto, foi submetido a uma angioplastia - cirurgia cardíaca - e a colocação de ponte de safena.

Chico da Prefeitura está cumprindo o seu sexto mandato de vereador em Mossoró. Ele é cotado para ser candidato ao Executivo do município pelo seu partido.

A família dele tem tranquilizado os amigos e lamenta os boatos de que ele teria falecido.


Chapa governista de Mossoró será definida na próxima semana

Reunião do  Conselho Político hoje não teve Henrique e Ricardo Motta, que tinham compromissos

Agora é para valer. A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) anunciou hoje, logo após a formatação do conselho político do seu Governo, que a chapa governista de Mossoró sairá na próxima semana. "A primeira decisão sobre o conselho será sobre a sucessão de Mossoró", afirmou ela, informando que o conselho terá a participação dos ex-governadores José Agripino (atual senador), Garibaldi Filho (ministro da Previdência), do presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Motta (PMN) e dos deputados federais João Maia (PR) e Henrique Eduardo Alves (PMDB), além, claro, do ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado.

A ideia da criação do conselho político é ampliar a aliança em torno da maioria dos municípios potiguares. A situação será resolvida por Mossoró devido à necessidade de se iniciar o período de pré-campanha. Além disso, também se buscará uma unidade por completo, envolvendo as chapas majoritária e proporcional.

Além do processo político, o conselho também vai trabalhar em Brasília em busca de recursos para tocar as obras importantes que o Estado precisa.


segunda-feira, 23 de abril de 2012

Governo Federal destinará R$ 2,7 bilhões para combater a estiagem no NE


Para reduzir as consequências da seca no Nordeste, o governo federal vai investir R$ 2,7 bilhões em ações para ampliar o fornecimento de água e o apoio ao agricultor. O anúncio foi feito pelo ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, ao lado da presidenta Dilma Rousseff, nesta segunda-feira (23/04), em evento na capital sergipana com a presença dos governadores da região.

O programa Água para Todos terá R$ 799 milhões e novos prazos a serem cumpridos. Até junho serão beneficiadas famílias dos nove estados nordestinos (AL, BA, CE, MA, PB, PE, PI, RN e SE) e de parte de Minas Gerais, também prejudicado pela seca. O objetivo é instalar 32 mil cisternas, 2.400 sistemas simplificados de abastecimento, 1.199 barreiros e ainda 2.400 poços.

Outros 
R$ 144 milhões serão aplicados na Operação Carro Pipa. Segundo dados da Defesa Civil Nacional, mais de 1.100 municípios deverão sofrer os efeitos da estiagem nos próximos meses.

Crédito
O Ministério da Integração Nacional, por meio do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), vai disponibilizar R$ 1 bilhão para apoio a produtores rurais, comerciantes e setores da indústria prejudicados pela estiagem no Nordeste.

O limite de crédito varia de R$ 12 mil a R$ 100 mil, com juros de até 3,5%. Serão beneficiados pelo Banco do Nordeste os empreendimentos de municípios com decreto de situação de emergência reconhecido pela Secretaria Nacional de Defesa Civil.

Mais crédito
Para atender os agricultores familiares que tiveram prejuízos com a estiagem, o Programa Garantia Safra também disponibilizará R$ 500 milhões. Outros R$ 200 milhões serão disponibilizados por meio do Bolsa Estiagem.

Obras
O governo federal vai investir R$ 17 bilhões em ações estruturantes no semiárido até 2015. São obras que vão garantir a segurança hídrica para brasileiros que vivem na região, como Projeto de Integração do Rio São Francisco, Eixão das Águas (CE), Vertente Litorânea (PB), Ramal e Adutora do Agreste (PE) e Canal do Sertão Alagoano (AL).

A infraestrutura no abastecimento de água também está sendo ampliada e melhorada com a conclusão de cerca de 30 barragens, adutoras e sistemas, como o Tucano (BA), Seridó (RN) e Norte (MG).


Combustíveis: Procon 'descobriu a roda' em Mossoró

Depois de muito estardalhaço e inúmeras entrevistas eis que o Procon estadual “descobriu a roda” em Mossoró: aqui se pratica preços absurdos nos postos de combustíveis. Ora, caro leitor, e quem não sabia disso?

Não precisa ser especialista em Código de Defesa do Consumidor para constatar que existe algo de muito errado no fato de Mossoró ser uma cidade que tem petróleo jorrando da terra e comprar a gasolina mais barata do que Natal e aqui se vender o produto bem mais caro do que lá, cerca de R$ 0,50 a mais. Sinceramente, o resultado final do trabalho do Procon foi frustrante porque não deu e nem dará em nada. Ora, caro leitor, nenhum posto foi autuado ou punido pela prática abusiva. Apenas se chegou à constatação. E pronto.

A própria promotora Ana Ximenes constatou o abuso, mas negou que haja qualquer tipo de cartel, portanto tudo leva a crer que permaneceremos como dantes.


domingo, 22 de abril de 2012

No RN, apenas Jucurutu tem estado de emergência reconhecido pela União

A Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, publicou portarias no Diário Oficial da União de sexta-feira (20/04) reconhecendo situação de emergência em decorrência de seca e estiagem em 33 cidades de quatro estados do Nordeste, e por motivo de enchentes e inundações em dois municípios do Amazonas, na região Norte.

Conforme as portarias foram os seguintes os reconhecimentos, por estado:

Sergipe
Canindé do São Francisco, Carira, Frei Paulo, Cararu, Graccho Cardoso,Itabi, Monte Alegre de Sergipe, Nossa Senhora Aparecida,Nossa Senhora da Glória, Nossa Senhora de Lourdes, Pedra Mole, Pinhão, Poço Redondo,Poço Verde, Porto da Folha,São Miguel do Aleixo, Tobias Barreto e Tomar do Gerú, todos em decorrência da seca.

Piauí
Betânia do Piauí, Caldeirão Grande do Piauí, Caridade do Piauí, Coronel José Dias, Dirceu Arcoverde, Pajeú do Piauí, Patos do Piauí e Santo Antônio de Lisboa (estiagem).

Bahia
Boa Vista do Tupim, Bonito, Lajedinho, Seabra e Tapirámuta (estiagem).

Rio Grande do Norte
Jucurutu (estiagem).

Amazonas
Atalaia do Norte e Lábrea (enchentes e inundações graduais).

Recurso
Por meio de portaria publicada também nesta sexta-feira (20/04) no Diário Oficial da União, o Ministério da Integração Nacional autorizou o empenho e repasse de R$ 15 milhões para o estado do Piauí, destinados à execução de ações de socorro, assistência às vítimas e restabelecimento de serviços essenciais em localidades atingidas pela estiagem.

Em tempo: o Governo do Estado já reconheceu o estado de emergência por causa da seca em 139 municípios.


União dos Municípios alerta para prazo do Bolsa-Família

O secretário geral da União Brasileira de Municípios (UBAM), prefeito do município de Flores-PE, Marconi Santana, alertou hoje os gestores de todo país para o último prazo que eles terão para registrar a frequência escolar das 16,2 milhões de crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos, que se encerra no próximo dia 28 de abril.

Marconi informou que até o início do mês quase 50% dos estudantes, entre 6 e 15 anos e 38,2% dos de 16 e 17 anos, tiveram registrada sua frequência escolar referente ao período de fevereiro a março de 2012. Esses dados se inserem num monitoramento que chega a oito milhões de crianças e adolescentes atendidos pelo Programa Bolsa-Família, do governo federal.

A União Brasileira de Municípios (UBAM), segundo o secretário geral, teme que crianças de até 15 anos não venham a frequentar o maior período, além dos jovens de 16 a 17 anos, não podendo assim manter o benefício do Bolsa-Família. O Programa intenciona forçar a ida às aulas, como forma de diminuir significativamente os índices de analfabetismo e exclusão escolar e social.

“A educação é o maior investimento para os brasileiros, pois se constitui numa forte guerra contra a exclusão social e a pobreza absoluta, que têm marcado nossa história como nação emergente. Por isso, a União, os Estados e os Municípios devem encontrar maneira de cobrar essa freqüência escolar diretamente aos pais e responsáveis,” defendeu ele.

A UBAM alertou para o perigo do descumprimento da contrapartida imposta pelo Programa, que depois de cinco períodos o benefício é cancelado e, então, as famílias deixam de receber o Bolsa-Família.


O grande 'pecado' de Alex Moacir


Neste momento em que tentam de todas as formas queimar o nome do ex-secretário municipal de Serviços Urbanos, Trânsito e Transporte, Alex Moacir (PMDB), como candidato a vice-prefeito na chapa governista de Mossoró, é fácil questionar quais são os reais motivos da queimação. Ora, caro leitor, estamos falando de um nome que se viabilizou naturalmente. Em nenhum momento eu, você ou qualquer outra pessoa o ouviu dizer que era candidato a vice-prefeito ou que tinha o seu nome definido. Ele foi naturalmente sendo colocado e aprovado pelas lideranças e, principalmente, pela população. É bom lembrar que Alex era um dos secretários mais bem avaliados da administração da prefeita Fafá Rosado. E mais do que isso: que é um peemedebista histórico, estando filiado à legenda há mais de 25 anos. Portanto, tem todos os predicados para a eleição.


Constatação
Ora, caro leitor, se Alex Moacir tem todos esses predicados, qual o motivo de ele estar sendo queimado agora por gente do seu próprio partido? E difícil de entender porque ele sempre trabalhou pela unidade, inclusive foi o principal articualdor do fortalecimento da legenda para a disputar proporcional. Hoje, o PMDB tem uma chapa capaz de fazer a maior bancada no Legislativo mosso-roense. E isso não foi por acaso. Foi graças a muito trabalho.

‘Erro’
Sendo assim, querer tirá-lo do jogo político agora com o argumento de que “estão querendo escolher pela legenda” é um absurdo sem tamanho. Primei-ro, porque Alex nunca se anunciou como candidato nem ninguém o fez de forma oficial. O que aconteceu muito foi o óbvio ululante, ou seja, que ele é um nome forte e viável. Para escrever isso, a imprensa precisa da permissão de alguns membros do PMDB? Tenha santa paciência. Pelo jeito, o maior ‘erro’ de Alex é ser aliado da prefeita Fafá Rosado.

Ironia
Tudo isso é uma grande ironia porque Fafá é a que mais tem trabalhado pela unidade do grupo. Cogitou até a ir para o sacrifício no intuito de fazer com que a vice-prefeita Ruth Ciarlini (DEM) se viabilizasse. A tese não vingou e, mesmo assim, Fafá em nenhum momento tripudiou em cima dos seus aliados. Pelo contrário, continuou trabalhando pela unidade, assim como o faz com o PMDB neste momento. Ago-ra, caro leitor, ela não tem culpa se é uma pessoa que tem brilho e os ventos da política sopram a seu favor.

Chapa
Se a chapa govenista tiver a vereadora Cláudia Regina (DEM) na cabeça e o ex-secretário Alex Moacir (PMDB) como vice será fruto não apenas do seu trabalho em favor da chapa que mais lhe convém, mas principalmente da sua capacidade de agregar e de se articular pensando no interesse maior que é o de não interromper o excelente momento que Mossoró vive em inúmeras áreas. Fafá, no entanto, não pode ser ‘punida’ por isso. Seria, no mínimo, um contrassenso.


sexta-feira, 20 de abril de 2012

Lula ou Hélio: a grande dúvida de Auricélio em Guamaré


Uma dúvida permeia a cabeça do ex-prefeito Auricélio Teixeira, líder político do grupo situacionista de Guamaré: lan-çar o atual prefeito, Emilson Borba (Lula), como seu candi-dato, ou o cunhado, Hélio Willamy (PMDB). Desde que projetou a sua renúncia, consolidada no último dia 5 de abril, Auricélio sempre focou no cunhado. Tanto que a sua renúncia se deu para garantir a elegibilidade de Hélio. O problema, no entanto, é que nin-guém contava com a performance de Lula.

O atual prefeito de Guamaré mostrou competência desde que assumiu o cargo, em dezembro passado e conseguiu em torno do seu nome mais do que simpatia. Já é comum ouvir pelas ruas da cidade que Lula pode ser o candidato em lugar de Hélio Willamy. O problema, no entanto, é que retirar o cunhado do prefeito do páreo pode gerar um problema familiar já que Auricélio Teixeira vinha trabalhando o projeto dentro de casa.

Pelo que a coluna apurou, sozinho o prefeito Lula não tem poder para ser candidato contra o que o ex-prefeito determinar. Pelo menos hoje. E ele não se insurgirá e se tornará ingrato a Auricélio, que garantiu a sua ascensão à prefeitura. É bom lembrar que antes de renunciar à prefeitura, o ex-prefeito também conseguiu convencer o seu vice, Marcus Tulius, a renunciar e abrir espaço para Lula. Mas, é bom lembrar que a política é como as nuvens. Muda de acordo com o nosso olhar.


terça-feira, 17 de abril de 2012

Duplicação da RN que liga Mossoró a Tibau começará em dois meses


Em um prazo de dois meses as obras de duplicação da RN-013, entre Mossoró e Tibau, serão iniciadas. Esta foi a projeção anunciada pela governadora Rosalba Ciarlini no lançamento do edital à licitação dos serviços. A solenidade ocorreu na tarde desta terça-feira (17) na Câmara Municipal de Mossoró, da qual participaram prefeitos de Mossoró, Tibau, Baraúna, Luiz Gomes e Messias Targino, além de vereadores e lideranças comunitárias. O presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Motta, e o deputado estadual Leonardo Nogueira, prestigiaram o evento.

A duplicação terá 27,84 quilômetros de extensão, saindo do entroncamento da BR-304 (que dá acesso à cidade cearense de Aracati) e vai até a entrada de Tibau. O projeto contempla um calçadão de dois quilômetros, a partir de Tibau, com dois metros de largura de cada lado da rodovia, para a prática de caminhada.

O diretor do Departamento Estadual de Estradas e Rodagens (DER), Demétrio Torres, afirmou que a obra tem importância significativa ao desenvolvimento regional e lembrou que, com 40 anos de experiência como engenheiro, o desenvolvimento de Natal foi iniciado a partir de projetos rodoviários, que impulsionaram o turismo na capital do Estado.

“Não tenho dúvidas de que essa obra será o principal equipamento do turismo. Será o motor para o desenvolvimento turístico”, afirmou a governadora Rosalba Ciarlini, acrescentando que a obra está orçada, em valores aproximados, em R$ 40 milhões.

Segundo a governadora, os envelopes serão abertos em 25 de maio e no final de junho para o começo de julho as obras serão iniciadas. Além de fomentar o turismo, Rosalba Ciarlini lembrou que a duplicação também possibilitará melhor escoamento da produção de sal da região, bem como da fruticultura.

“Estamos aqui anunciando a licitação. O projeto está pronto e esperamos que em 60 dias a obra seja iniciada. Uma obra importante para o turismo da Costa Branca que vai impulsionar o turismo regional”, disse a governadora.

A prefeita Fafá Rosado, de Mossoró, reconheceu a importância da duplicação da RN-013. “Sem dúvida é uma obra importante para o turismo. Tibau é uma praia aprazível e com a duplicação o deslocamento fica mais rápido. Será importante para crescer o turismo de Tibau e da região”, disse.


STJ determina afastamento de desembargadores suspeitos em escândalo

O ministro Cesar Asfor Rocha, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), determinou, ad referendum da Corte Especial, o afastamento cautelar dos desembargadores Osvaldo Soares da Cruz e Rafael Godeiro Sobrinho, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN). O ministro é relator do inquérito que apura denúncias envolvendo os dois magistrados.

Os desembargadores são ex-presidentes daquele tribunal. O ministro leva a decisão à apreciação da Corte Especial do STJ na tarde desta quarta-feira (18).


segunda-feira, 16 de abril de 2012

Justiça manda transferir Carlinhos Cachoeira de Mossoró


O empresário de jogos ilegais Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, obteve uma liminar judicial na noite desta segunda-feira para deixar o presídio de segurança máxima de Mossoró (RN). Ele deve ser transferido para Brasília nas próximas horas.

No presídio de Mossoró, Carlinhos Cachoeira fica 22 horas trancado em uma sela sozinho sem ver ninguém. Tem direito a apenas duas horas de sol por dia e conversa com as visitas por meio de um interfone sem ter contato físico.

De acordo com familiares, Carlinhos Cachoeira emagreceu 16 kg, teve o cabelo raspado e está deprimido. Chegou a passar mal e precisou ser atendido por médicos.

Cachoeira está preso desde 29 de fevereiro, quando a Polícia Federal deflagrou a Operação Monte Carlo. Ele é acusado de comandar um esquema de jogo ilegal. Segundo a investigação, o grupo de Cachoeira cometeu os crimes de corrupção, lavagem de dinheiro, entre outros, para sustentar uma máfia de jogos.

A Operação Monte Carlo envolve o nome de parlamentares, entre eles o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO), um grupo de deputados e integrantes dos governos de Goiás e Distrito Federal. O Congresso deve instalar uma CPI nesta semana para investigar o caso.

Fonte: Uol



PT de Mossoró diz não à retirada da candidatura de Josivan


Os membros do Partido dos Trabalhadores (PT) que foram ontem conversar com o enviado do ex-presidente Lula e da presidente Dilma Rousseff, Paulo Frateschi, deixaram a situação mais do que clara: vão resistir até o final com o projeto de lançar o nome do reitor da Ufersa, Josivan Barbosa. Isso é o que será dito na coletiva desta terça-feira (17), a partir das 10h, convocada pelo diretório municipal.

A coluna apurou que a conversa foi em tom republicano. Apesar de deixar muito claro tudo aquilo que já vinha sendo divulgado pela imprensa nacional de que o PT tinha interesse na retirada da candidatura para conseguir o apoio do PSB em São Paulo, a resposta foi enfática e deixou tudo muito claro: o PT não quer subir no palanque da deputada estadual Larissa Rosado.

Os argumentos foram os mais variados possíveis, mas o principal deles foi a visibilidade que o nome de Josivan tem dado ao PT e a possibilidade de crescimento do seu nome na campanha. O PT também reclamou da forma como o PSB tem conduzido o processo sempre tentando retirar o nome de Josivan na base da força.


Corregedora do CNJ pede afastamento de desembargadores do TJ/RN

A corregedora-geral do Conselho Nacional de Justiça, Eliana Calmon, oficializou o pedido de afastamento dos desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado, Rafael Godeiro e Oswaldo Cruz. De acordo com a corregedora, a medida tem o objetivo de garantir a continuidade das investigações e melhor esclarecer todo o assunto.

Ela explica que antes de serem afastados, é necessário que o plenário do CNJ decida por isso. Enquanto a decisão não sair, eles permanecem.

O processo deve ir a julgamento provavelmente no dia 8 de maio vindouro.

Eliana Calmon esteve ontem em Natal para retomar o funcionamento do setor de pagamento de precatórios do Tribunal de Justiça do Estado, depois do escândalo envolvendo a ex-chefe Carla Ubarana, seu marido, George Leal, e os dois desembargadores.


domingo, 15 de abril de 2012

Baraúnas vence e fará decisão do segundo turno em casa

O Baraúnas venceu o Santa Cruz, por 1 x 0, em partida realizada no estádio Manoel Leonardo Nogueira, na noite de hoje, e está classificado para a final do segundo turno. Ele irá enfrentar o América, que venceu, de virada, no Frasqueirão, em Natal, ao ABC, por 2 x 1. O alvinegro agora esperará o vencedor do confronto para decidir o Campeonato Estadual de 2012.

Devido à melhor campanha no segundo turno, o Baraúnas terá a primazia de disputar o jogo final em Mossoró. A primeira partida, em Goianinha, será no próximo domingo, dia 22, em Goianinha, no estádio Nazarenão. A partida final acontece no dia 25, em Mossoró, no Nogueirão.


Carlos Augusto: 'Tudo leva a crer que será Cláudia Regina'


Em entrevista a um jornal de Mossoró, o ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado (DEM) deu mais uma indicação de que a candidata a prefeito pelo seu partido na cidade deverá ser a vereadora Cláudia Regina (DEM). Segundo ele, "Tudo leva a crer que será Cláudia Regina ou você acha que será Maria das Malhas?", respondeu, de forma sarcástica, ao veículo de comunicação.

Carlos Augusto enalteceu as qualidades de Cláudia e lembrou que a definição só sairá no momento certo.

A declaração de Carlos corrobora com o que disse a prefeita Fafá Rosado quando confirmou a notícia dada em primeira mão por este blog, na semana passada, de que não renunciaria ao cargo e que cumpriria seu mandato até o final.  Fafá também apontou para a grande possibilidade de Cláudia ser a escolhida.

Para colocar mais lenha na fogueira e deixar Cláudia com mais cara de candidata, a governadora Rosalba Ciarlini também enalteceu as qualidades da aliada. "Cláudia Regina tem grandes serviços prestados a Mossoró.  Ela foi minha secretária e a conheço de muito tempo", lembrou a chefe do Executivo estadual.

O blog apurou que a definição deverá sair até o final de abril ou no mais tardar na primeira semana de maio.


Definida a programação do Mossoró Cidade Junina 2012



Já está definida a programação 2012 do Mossoró Cidade Junina. Estarão no palco principal da Estação das Artes Elizeu Ventania as bandas Aviões do Forró, Forró dos Plays, Garota Safada, Forró do Muído, Dorgival Dantas e a dupla sertaneja César e Menoti.

Coloque aí na sua agenda: dia 9 de junho será a grande abertura, com o Pingo da Mei-Dia. As atrações serão Forró dos Plays, Ítalo e Renno e Forró dos 3. Dia 14, na Estação das Artes, o primeiro show será de Garota Safada e Forró da Curtição.

A programação segue: dia 15, Toca do Vale e Saia Rodada; dia 16, Aviões do Forró; dia 21, Furacão do Forró e Banda Líbanos; 22, Forró Pé de Ouro e Bonde do Brasil; 23, Forró do Muído; 28, Dorgival Dantas e Cavalo do Aço.

A programação segue no dia 29 com a dupla César Menotti e Fabiano e  será encerrada no sábado, dia 30, com Eliane, Ferro na Boneca e Netinho. O Mossoró Cidade Junina 2012 também terá todas as demais atrações que fazem parte da festa, como a Cidadela, espetáculo Chuva de Bala e por aí vai.


Lula e Dilma mandam emissário para tentar fazer Josivan desistir

O Secretário de Organização da Executiva Nacional do PT, Paulo Frateschi, vem ao Rio Grande do Norte para uma reunião com a direção local do partido. A reunião será em Natal, às 10h.

De Mossoró o PT será representado pelo presidente do partido, Valdomiro Moraes, e mais Tércio Pereira, Crispiniano Neto, Gilberto Diógenes, Nelson Gregório e o pré-candidato a prefeito Josivan Barbosa. Também participarão do encontro o presidente estadual do PT, Eraldo Paiva e o deputado estadual Fernando Mineiro.

O anúncio foi feito pelo sindicalista Tércio Pereira, vice-presidente do PT local, no programa Política em Debate, da Rádio Difusora de Mossoró, apresentado pelos diretores da emissora, Paulo e Emerson Linhares com participação "deste que vos fala", neste sábado, 14.

“Ele vem com a incumbência de fazer com que a gente mude de opinião”, antecipou Tércio Pereira.

Mas, o próprio Tércio, tratou de tranqüilizar os que defendem a candidatura de Josivan Barbosa, pré-candidato a prefeito do PT: “Nós não vamos retirar a candidatura do reitor”.

Tércio Pereira afirmou que “ele vem falar em nome do ex-presidente Lula e da presidente Dilma, dizendo que é importante que o PT de Mossoró mude de rota”.

Mas, conforme Tércio, já está decidido: “Vamos dizer que a nossa posição é firme e contrária a essa posição da direção nacional”.

Tércio Pereira também condenou a direção do PSB local: “Somos contra a toda essa pressão que o PSB está fazendo, e considero isso muito grave, que o PSB queira a todo custo o apoio do PT”.

Ele lembrou que “Nós fomos para uma disputa acirrada e lá o PT disse claramente que não quer aliança com o PSB, a não ser que a deputada Larissa Rosado retire sua candidatura e o PSB venha apoiar o reitor Josivan”.

Tércio Pereira lembrou também que “Eu fui um dos que mais defenderam uma aliança com o PSB em 2008, e fui o vice de Larissa; por isso mesmo sou contra hoje.”

Fonte: Blog do Skarlack (www.blogdoskarlack.blogspot.com)


Decreto disciplina remoção de servidores antes e após as eleições deste ano

A prefeita de Mossoró Fafá Rosado assinou o decreto Nº 3949/2012 que determina a suspensão de qualquer ato administrativo que implique na remoção e relocação de servidores públicos de seus postos de trabalho de origem, em razão da legislação eleitoral vigente. O decreto da prefeita é regulamentado pela Lei Complementar 029, editada em 2008.

De acordo com o decreto municipal, a proibição de remoção e redistribuição de servidores no âmbito da estrutura administrativa do Município, valerá para o período compreendido entre 180 dias que antecedem a realização das eleições municipais de 2012, e 30 dias após a realização do pleito eleitoral, que este ano acontece no dia 7 de outubro.

Ainda segundo o decreto, os pedidos de remoção e redistribuição realizados após sua vigência, serão recebidos e ficarão automaticamente suspensos.


sábado, 14 de abril de 2012

Câmara de Mossoró publica edital de primeiro concurso da sua história; veja na íntegra


A Câmara Municipal de Mossoró realiza o primeiro concurso público de sua história, que está oferecendo 39 vagas, sendo 24 para preenchimento de vagas já existentes e 15 para cadastro de reserva.

As vagas são direcionadas para os níveis médio (agente administrativo, digitador e técnico em informática) e superior ( advogado, administrador, assistente social, contador, enfermeiro, jornalista, psicólogo e revisor de textos).

Para os cargos de nível médio, a jornada de trabalho é de 40h e a remuneração é de R$ 1,373,30. Já para os cargos de nível superior, a jornada de trabalho é de 40h e a remuneração de R$ 2. 403,28.

As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet, entre os dias 30 de abril e 14 de maio de 2012. Para os cargos de nível médio, a taxa de inscrição é de R$ 70,00 e os de nível superior, R$ 100,00.

As provas acontecem no dia 3 de junho de 2012. O concurso tem validade de 2 anos, podendo ser prorrogado por igual período.

O presidente da Câmara Municipal de Mossoró, vereador Francisco José Júnior, comemorou a publicação do edital do primeiro concurso público da história do Legislativo Mossoroense. "É uma alegria para todos que fazem a Câmara Municipal de Mossoró, podermos dar esse grande passo e para mim, em especial, que estive a frente desse processo, e o vejo agora concretizado. Esse foi um compromisso de campanha por ocasião da eleição da Mesa Diretora, e é mais um que estamos honrando. É um fato histórico e um grande avanço do nosso Legislativo", afirmou o presidente.

A empresa que irá realizar o concurso é a Comperve da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Para acessar o edital  na íntegra, clique NESTE LINK.


Rosalba lançará edital da duplicação da estrada Mossoró-Tibau na terça (17)



A governadora Rosalba Ciarlini anunciou, no final da tarde desta sexta-feira (13), quando participou da solenidade de inauguração da nova agência da Previdência Social ao lado do ministro Garibaldi Alves Filho, que retornará a Mossoró na próxima terça-feira (17) para lançar o edital de licitação à duplicação da RN-013, que liga Mossoró a Tibau. “Vou estar, na próxima terça-feira, lançando o edital oficial desta obra. Será na Câmara Municipal”, informou a governadora.

“Eu tinha estado há alguns meses e anunciado a obra. Contratamos o projeto, que está pronto, e agora vamos fazer a licitação. Escolhida a empresa, começaremos a obra”, disse Rosalba, acrescentando que a obra faz parte do projeto voltado à interiorização e fortalecimento do turismo do Rio Grande do Norte.

“Com certeza passa pelo fortalecimento do turismo. Na hora em que o Governo faz estrada e duplica a entrada da Costa Branca, como é o caso da RN de acesso a Tibau, isso é investir no turismo”, disse. Ela acrescentou que a ideia é que a duplicação da RN possa, além de garantir segurança no trânsito, atrair investidores.

Para Rosalba, é com esse pensamento que o Governo do Estado duplicará a RN-013. “Vai atrair investidores, pousadas, hotéis e movimentar a economia regional. Além disso, vai diminuir a distância entre as cidades e garantir segurança para que Tibau não seja a praia apenas do veraneio de final e começo de ano. Tem que ser visitada todo o ano, com calendário de eventos que possa atrair turistas e visitantes, movimentar a economia na Costa Branca, começando com Tibau, interligando com Areia Branca e passando para toda a Costa Branca”, disse.


Escândalo dos precatórios: o cerco se fecha a cada dia

Tão logo o tempo vai passando a situação dos desembargadores Oswaldo Cruz e Rafael Godeiro vai se tornando mais difícil. O escândalo do desvio de dinheiro dos precatórios do Tribunal de Justiça do Estado, com a suposta participação dos ex-presidentes, vai se tornando cada vez mais claro. Com a entrevista coletiva do Ministério Público, ontem, em que foram apresentadas provas concretas da suposta participação dos dois, o caminho tornou-se mais estreito automaticamente: ou Oswaldo Cruz e Rafael Godeiro apresentam uma defesa também concreta e contundente ou serão condenados definitivamente pela opinião pública, antes mesmo de serem sentenciados. As ordens de pagamento e transferência de recursos para as contas dos laranjas envolvidos no esquema estão claramente assinadas pelos dois, numa ação suspeitíssima.


Fase
Chegamos a uma fase em que o acusado é colocado no canto de parede. Se fosse uma luta de boxe, diria que eles estão nas cordas, sofrendo golpes de todos os lados e, já grogues, precisam reagir senão vão à lona. Entendam que ir à lona neste caso nada mais é do que ir parar na cadeia. Ora, caro leitor, quem não se lembra de desembargadores presos pelo país por outros escândalos de desvio de dinheiro público? Se vai se repetir ou não aqui no Rio Grande do Norte, tudo depende do coelho na cartola que Oswaldo Cruz e Rafael Godeiro vão tirar. Neste momento, eles precisam de um do tamanho de um elefante.

Estarrecedor
Independente do que venha a acontecer, o caso em si já está provado que aconteceu. Carla Ubarana, a ex-chefe do setor de precatórios, já confessou, ao lado do marido, George Leal, de terem participado do esquema. A grande dúvida que se tinha antes de chegarmos aos últimos dias, era como ela teria conseguido fazer tudo isso sem a participação de superiores. Inicialmente suspeitava-se, mas o assunto era tratado com muita reserva, afinal de contas era cedo para apontar nomes. Qualquer pessoa com experiência em investigação sabia que havia algo muito maior. E esse muito maior era nada mais, nada menos, do que dois ex-presidentes do TJ.

Punição
Se realmente forem culpados, como as provas apontam que sim, a sociedade vai esperar agora para saber quais serão as providências tomadas. Será que a punição que virá será a aposentadoria compulsória, uma espécie de “prêmio” do Conselho Nacional de Justiça (CNJ)? Ou teremos punições exemplares, que inibam práticas como as apontadas? Isso só o tempo dirá. A sociedade acompanha com aquele sentimento de estômago embrulhado.

Democracia
Um adendo nessa história toda, caro leitor: já parou para pensar como a democracia é boa? Quem, até bem pouco tempo, imaginaria que dois desembargadores estariam na berlinda como hoje, graças ao trabalho livre da imprensa? Em outros tempos, os vídeos dos depoimentos de Carla Ubarana e George Leal nunca teriam sido divulgados. E assunto continuaria sendo tratando apenas nos gabinetes. A sociedade como um todo apenas aguardaria a divulgação do resultado final.

Transparência
A divulgação dos vídeos, embora tenha trazido muito prejuízo à imagem dos réus, serve para transformar o processo em transparente. Aliás, todo e qualquer processo deveria ter isso. O segredo de Justiça só deveria servir para parte deles, como a divulgação de dados bancários e fiscais que estivessem acobertados pela lei. Veja o caso do escândalo dos sanguessugas, que se arrasta há anos e nada de decisão.


sexta-feira, 13 de abril de 2012

Escândalo dos precatórios: um soco no estômago


Assistir aos depoimentos de Carla Ubarana e George Leal, os pivôs do esquema de desvio de recursos no escândalo dos precatórios do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, foi um verdadeiro soco no estômago (veja abaixo). A cada expressão usada, a cada esquema montado, a certeza de que neste país os bandidos de colarinho branco são muito piores dos que os ladrões de galinha que tanto condenamos diariamente nas páginas dos jornais. Algo nojento.

Expressões
O depoimento de Carla Ubarana, que era a chefe do setor de precatórios, só não é pior por falta de espaço. Ora, caro leitor, “trabalhar o dinheiro” é expressão de traficante de drogas. Ela descobriu R$ 1,6 milhão “sem dono” no Banespa e embolsou, supostamente em companhia do desembargador Oswaldo Cruz, presidente do TJ na época. Imagine só, caro leitor. Enquanto o poder público reclama do aumento do salário mínimo, tem desembargador que supostamente embolsou mais de R$ 1 milhão de recursos que saíram exatamente dos mesmos cofres públicos. Simplesmente revoltante.

Julgamento
Volto a reafirmar que não devemos julgar ninguém. Porém, é fato que as declarações são fortíssimas. Deixou os desembargadores acusados em situação dificílima. Eles não são suficientes para condená-los, mas é fato que se as coisas continuarem do jeito que estão será necessário muito mais do que notas de esclarecimento. Digo mais: não nos surpreendamos se os dois citados forem afastados pelo Conselho Nacional de Justiça ou mesmo o Superior Tribunal de Justiça já nas próximas horas.

Conclusão
A conclusão que chegamos ao assistir o depoimento na íntegra é a de que infelizmente a corrupção no Brasil é muito maior do que podemos imaginar. Ela está enraizada em todos os poderes e, infelizmente, até mesmo aquele que deveria servir de exemplo acaba sendo farinha do mesmo saco. Triste, mas essa é a nossa mais pura realidade.

Trecho
Mesmo querendo evitar pré-julgamento, não posso deixar de transcrever o trecho onde Carla Ubarana acusa o desembargador Oswaldo Cruz de receber, em cash, os recursos dos precatórios, na própria sede do Tribunal de Justiça. Disse ela: “Desembargador Oswaldo perguntou se não tinha uma forma direta. Eu perguntei porque a pressa? (...) Eu perguntei ao banco se a gente poderia fazer uma ordem imediata. O banco informou que poderia fazer isso através de TED (Transferência Eletrônica Disponível), em razão do valor ser alto. Então, eu redigi: o presidente do Tribunal, o desembargador Oswaldo, determina que seja transferido o valor de R$ 79 mil para a conta de Carlos Alberto Fasanaro (um dos laranjas) (...) O dinheiro ia direto da conta dos precatórios para a conta de Fasanaro, sem que existisse uma conta judicial vinculada. Era uma autorização direta do presidente para que fosse depositado na conta de um dos três”.

Rateio
“Tinham as retiradas que nós comunicávamos (aos laranjas). George colocava o dinheiro todo no mesmo lugar de sempre. Tínhamos uma gaveta grande, no começo da cama, depois colocamos numa maleta 007. A verba foi aumentando e colocamos numa maleta grande (...) Chegou R$ 90 mil, eu contava a parte do desembargador Oswaldo, colocava dentro da bolsa e iria trabalhar normal. A minha parte do acordo foi ficando. Eu levava parte para entregar ao desembargador Oswaldo (...) A entrega era feita a ele, todo final de tarde, no Tribunal de Justiça, em um envelope pardo amarelo, em notas de cem reais para fazer o menor volume possível”. Sem comentários.

Rafael
Carla Ubarana também falou sobre a gestão do desembargador Rafael Godeiro. Segundo ela deixou claro, Rafael foi levado para o esquema, quando era presidente, pelo desembargador Oswaldo Cruz. O esquema, no entanto, passou a ter o dinheiro dividido por três. “O valor que eu levava na bolsa todos os dias para o Tribunal era para entregar aos desembargadores”, disse ela. O depoimento é mais explosivo do que qualquer um de nós, pobres mortais, poderíamos desconfiar.


terça-feira, 10 de abril de 2012

Vídeos de Carla Ubarana e George Leal deixam desembargadores em situação delicada



 Não poderiam ser mais dilacerantes os vídeos dos depoimentos de Carla Ubarana e George Leal, réus no escândalo dos precatórios, publicados hoje pela Tribuna do Norte em seu site. O conteúdo completo dos vídeos é simplesmente estarrecedor. Deixa os dois desembargadores em situação dificílima, contando com riqueza de detalhes o suposto esquema de corrupção.




Veja os vídeos, caro leitor, e tire suas próprias conclusões.


Rosalba admite pela primeira vez construir novo aeroporto em Mossoró


A governadora Rosalba Ciarlini recebeu na tarde desta terça-feira (10) a prefeita de Mossoró, Fafá Rosado, o deputado estadual Leonardo Nogueira e empresário do setor da construção civil daquela cidade. A pauta da reunião foi o impasse causado pela Portaria Nº 256/GM5, de 13 de maio de 2011, do Ministério da Defesa, que dispõe sobre as restrições relativas às obras que possam afetar a segurança e a regularidade das operações aéreas nos aeroportos do País.

Entre as 22 cidades citadas pelo Ministério, e que devem sofrer restrição quanto à construção de edificações nas proximidades dos aeroportos, está Mossoró. Para a governadora Rosalba Ciarlini, não é possível cogitar a suspensão de obras – que comprovam o desenvolvimento do município – muito menos a desativação de um aeroporto que atende a região. “Para a aviação regional, que possui um plano expansivo, isso não pode acontecer. O Estado assume as mudanças que precisarem ser feitas”, disse Rosalba, cogitando, inclusive, a construção de um novo aeroporto na região caso o atual tenha que ser realmente desativado.

Já a prefeita Fafá Rosado questionou o fato de outros aeroportos, como o de Fortaleza e o de Congonhas, em São Paulo, não sofrerem intervenção quanto a seu funcionamento – como aconteceu em 2011 ao de Mossoró –, já que eles são cercados por edificações e oferecem mais risco de acidentes. “Nós não podemos deixar que isso aconteça à nossa cidade. Vamos nos unir para resolver a situação e manter o aeroporto de Mossoró em funcionamento”, reforçou.

Os empresários e representantes do setor da construção civil, que participaram da reunião, lembraram que a atividade está praticamente parada em Mossoró desde que a Portaria foi publicada, já que a Prefeitura não pode mais emitir alvarás para construção de novos prédios em áreas próximas ao aeroporto. Segundo o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil de Mossoró, Weber Siqueira, os efeitos já começaram a ser sentidos, principalmente em relação ao desemprego no setor. Porém, após a reunião, ele disse estar confiante no compromisso firmado pela governadora Rosalba Ciarlini em unir forças para garantir a continuidade das obras e o funcionamento do aeroporto de Mossoró.

“O que nós mais queríamos era que houvesse essa união, que, com certeza, terá bons frutos para Mossoró”, disse Weber Siqueira.

Brasília
Ainda durante a reunião, a governadora Rosalba Ciarlini recebeu a confirmação de que será recebida em audiência na quinta-feira, dia 19, pelo Comandante da Aeronáutica, o Tenente-Brigadeiro-do-Ar Juniti Saito, em Brasília. Ela aproveitou para convidar a prefeita Fafá Rosado e todos os presentes para que, juntamente com os membros da bancada potiguar, façam um esforço para garantir o desenvolvimento da segunda maior cidade do Rio Grande do Norte.

A governadora disse que, se não conseguir manter o atual aeroporto em funcionamento, irá solicitar ao Comandante a construção de um novo para a região oeste. Dessa forma, o município mantém o crescimento na construção civil e deve atrair novos investimentos à região.


Câmara instituirá Tribuna Solidária para entidades de assistência social


Encontra-se nas comissões da Câmara Municipal de Mossoró o Projeto de Resolução que institui a Tribuna Solidária, que reserva o espaço da Tribuna, uma vez por mês, para as entidades de assistência social, não governamentais. A exemplo da Tribuna Popular, os ocupantes da Tribuna Solidária terão 10 minutos para expressar suas reivindicações para a sua entidade.

De acordo com o texto do Projeto de Resolução, o ocupante da Tribuna Solidária terá que respeitar e obedecer os princípios éticos e morais aplicáveis aos vereadores, não podendo fazer uso de expressões chulas e caluniosas, contra a moral e os bons costumes ou ofensivas a outras pessoas, sendo o orador responsável pelo conteúdo expresso por intermédio de sua fala.

Para o presidente da Casa, vereador Francisco José Júnior, a Tribuna Solidária tem o objetivo de assegurar o espaço da Tribuna também para os representantes de entidades e organizações assistenciais, como a APAE e as associações que atendem os deficientes físicos, surdos, cegos, renais crônicos, e outras que atuam em Mossoró.

“Temos recebido vários pedidos das instituições para que se reservasse um espaço para elas na Tribuna Popular. Nós resolvemos instituir então a Tribuna Solidária. Uma vez por mês, uma entidade assistencial poderá ocupar a Tribuna e assim, expor seus problemas e fazer suas reivindicações para Mossoró inteira conhecer. O projeto está em tramitação, e acredito que em breve ele será instituído”, afirmou o presidente Francisco José Júnior.


sábado, 7 de abril de 2012

Os rumos do governismo a partir de agora

Vencida a etapa da não-renúncia da prefeita Fafá Rosado, o grupo político comandado pela governadora Rosalba Ciarlini (DEM) agora vai dar os próximos passos rumo à sua sucessão. A declaração de Rosalba ontem, ao Jornal de Fato, pôs a última pá de cal nas especulações de que ela estaria insatisfeita com a decisão da chefe do Executivo mossoroense. Rosalba não apenas confirmou o que Fafá havia dito — que a decisão foi em consenso — como usou o discurso para rechaçar a versão de que haveria uma negociata com a prefeita saindo do Governo municipal para assumir cadeira vitalícia no Tribunal de Contas do Estado (TCE). Essa tese absurda, diga-se de passagem, sempre foi negada por este espaço porque nunca ouviu isso de Fafá nem de ninguém ligado a ela. Quem acompanha esse espaço sabe muito bem disso.


Descartada
Quando se começou a especular sobre a possível renúncia de Fafá, em que a hipótese passou a ser admitida, este espaço trouxe para você, caro leitor, a única versão com fundo de verdade, ou seja, que Fafá, se renunciasse, seria para atender a um objetivo do grupo que é o de fazer o seu sucessor ou sucessora. Nunca para concretizar uma negociata. Já disse aqui e repito: Fafá é nova ainda e tem muito pela frente na política. Pode ser deputada federal, estadual, secretária de Estado e até alçar voos mais altos.

Escolha
O processo de escolha, agora, recai sobre os dois nomes da vez: os vereadores Cláudia Regina e Francisco Dantas da Rocha, o Chico da Prefeitura. Dois grandes nomes, porém com características bem diferentes. Cláudia Regina é popular, mas é da ala mais intelectual, que tem discurso fácil na ponta da língua, grande poder de articulação e carisma. Chico é mais popular e fala a linguagem da periferia. A grande dificuldade dele é a reprovação nas contas junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), um problema que foi parar no TSE.

Incertezas
Tudo leva a crer, neste momento, que a candidata será Cláudia Regina porque o governismo não pode viver de incertezas. Se fosse assim, o nome alçado à condição de candidata do governismo seria a vice-prefeita Ruth Ciarlini, irmã de Rosalba e cunhada do ex-deputado Carlos Augusto Rosado. Porém, de forma inteligente e experiente, preferiram não arriscar entrar numa campanha com uma série de pendências judiciais para resolver. Ou alguém acha que a oposição não questionaria a candidatura de Ruth na Justiça?

Desgaste
Esse tipo de disputa traz desgaste irremediável. A insegurança jurídica poderia atrapalhar os planos, principalmente porque será a primeira das últimas cinco campanhas que o candidato governista municipal saiu atrás nas pesquisas. Cláudia Regina apareceu nas pesquisas do ano passado sempre perto dos 20% das intenções de voto, mesmo nunca tendo sido anunciada como a candidata do grupo.

Força
Interessante é que nas pesquisas internas  que realizou para “testar” o nome da vice-prefeita Ruth Ciarlini, o grupo governista municipal viu que hoje Cláudia tem uma força política tremenda. Embora não possa divulgar os números, dá para dizer que mesmo diante das incertezas ela sempre apareceu bem na fita. É um nome viável e que pode reverter a situação de desvantagem de hoje, que o governismo enfrenta.

Mudança
É bom deixar claro que tudo que vimos até agora no cenário político mossoroense não pode ser dado como definitivo. Foi apenas retrato do momento. Portanto, a liderança da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) nas pesquisas não passa do reflexo da indefinição governista. Não nos esqueçamos que na grande maioria das pesquisas, Larissa sempre apareceu atrás da soma dos candidatos governistas. Se Cláudia ou Chico conseguir a unidade do eleitor de Mossoró terá pela frente uma grande chance de vencer a eleição.

Difícil
É claro que não se trata de algo fácil. A oposição navega sozinha no cenário político local desde 2008, tão logo as urnas deram a Fafá uma vitória consagradora nas urnas. Larissa Rosado, derrotada pela segunda vez naquela oportunidade, projetou-se naturalmente como nome da oposição — até por falta de possibilidades naquela época. Para o governismo, vencer a disputa é uma questão de honra e de continuidade do projeto que chegou ao Governo do Estado. Rosalba e Fafá, portanto, vão arregaçar as mangas e partir em busca da vitória. O jogo está pronto para começar.


quarta-feira, 4 de abril de 2012

Os bastidores da decisão sobre a não-renúncia de Fafá

No início deste ano, começou a especulação em torno de uma suposta renúncia da prefeita Fafá Rosado (DEM) com o objetivo de fazer com que a vice-prefeita Ruth Ciarlini (DEM) fosse a candidata do governismo muncipal. Essa renúncia, diga-se de passagem, já vinha sendo especulada, porém ganhou a possibilidade de ser concretizada depois que pela primeira a chefe do Executivo mossoroense a admitiu. A atitude de Fafá foi mais uma em respeito aos interesses do grupo e da própria cidade. Depois de passar sete anos no poder, Fafá sabe o quanto é importante ter alguém compromissado com o crescimento da cidade na posição que ocupa. Entregar a prefeitura à oposição demagógica e incompetente de Mossoró — com algumas exceções, como boa parte do PT — seria um retrocesso e para evitar isso ela iria até para o sacrifício.


Grupo
No episódio, Fafá mais uma vez mostrou o seu espírito de grupo. Não apenas admitiu ir para o sacrifício, como fez Ruth Ciarlini colar nela em todas as atividades da municipalidade. Fez a sua parte, porém o nome de Ruth enfrentou uma série de problemas. A começar pela falta de receptividade do seu nome. Pesquisas internas apontaram problemas tanto na qualitativa quanto na quantitativa. Ou seja: faltava espaço para crescer e ela precisa disso.

Vitória
Como o objetivo do grupo, que está mais unido do que nunca, é a vitória nas eleições deste ano, ficou claro que a engenharia política seria péssima para o governismo e pior ainda para as pretensões de Rosalba que é candidata a reeleição em 2014. Perder Mossoró inviabiliza o projeto, portanto não dava para pensar em vencer com tantos problemas a resolver.

Futuro
O futuro ainda não está definido, falta a governadora anunciar oficialmente quem será o nome do Democratas em Mossoró. Mesmo assim, o grupo de Fafá continua fazendo aquilo que sabe: agregar. A prefeita disse ontem a vários jornalistas que não há definição, embora o nome da vereadora Cláudia Regina (DEM) seja favoritíssimo e é para ganhar. Se vai conseguir ou não, só as urnas dirão. Porém, antes é preciso resolver algumas situações e estas acontecerão a tempo.

Conclusões
As conclusões que a coluna chega são bem claras e objetivas: a primeira delas é que, embora humildemente tenha repassado à governadora a condução do futuro político do grupo, Fafá é quem está decidindo tudo no final. Não por imposição, mas em articulação com os aliados. Primeiro, mostrou de forma objetiva que a renúncia seria um grande prejuízo para o governismo e ainda traria uma grande disputa jurídica que só atrapalharia. Além disso, o nome a ser alçado não reuniria as condições necessá-rias para vencer.

Outra
Além disso, ficou claro também que a prefeita não apenas entende do riscado quando o assunto é política, como consegue fazer com que as suas preferências acabem sendo escolhidas sem precisar criar qualquer zona de atrito. Todo mundo e seu raimundo sabem que Fafá tem predileção por Cláudia Regina. Fê-la torna-se viável trabalhando e preserverando. E agora deve colher os frutos.

Vice
Caso seja confirmada a indicação de Cláudia, o grupo de Fafá também poderá viabilizar o nome do vice, Alex Moacir (PMDB). Ele hoje é o único nome do partido que tem viabilidade política para ser indicado na chapa governista local. O partido tem vários vereadores e ex-vereadores envolvidos com pendências judiciais, inclusive a Operação Sal Grosso. Alex passa incólume a isso.

União
Além disso, Fafá também pode sair do pleito como a grande vencedora por ter conseguido manter a união de um grupo tão grande e heterogêneo como é o da governadora Rosalba Ciarlini (DEM). Mesmo diante das especulações alimentadas por veículos de comunicação e jornalistas pagos pela oposição para todo dia vender a imagem de que haveria rompimento. Aliás, dizem isso há quase oito anos e até agora, nada. Ou seja: é o velho jornalismo desejoso.

Finalizando
Para concluir essa linha de raciocínio, a coluna chega a uma irremediável constatação: o jogo ainda não começou a ser jogado. Até aqui, tivemos apenas a oposição se engalfinhando. Com o governismo apontando o seu rumo começaremos a saber para onde as águas correrão. É hora de decisão.


terça-feira, 3 de abril de 2012

Rosalba e Cláudia passam o dia cumprindo agenda juntas


Embora ainda não esteja anunciada oficialmente como a candidata do governismo municipal, os gestos da vereadora Cláudia Regina começam a mostrar o simbolismo que precisa ser visto por qualquer analista político. Não foi à toa que ela participou hoje de toda a agenda da governadora Rosalba Ciarlini (DEM) em Mossoró. Em toda a agenda, Cláudia não apenas foi afagada  pela governadora, como recebeu tratamento especial.

Cláudia recebeu Rosalba no aeroporto e participou de eventos em Baraúna e Tibau. Na vizinha cidade praia teve direito até a voz. Mas Cláudia não é vereadora de Mossoró? Preciso dizer mais alguma coisa?

Aliás, não é de hoje que isso acontece. Na inauguração da Escola Niná Rebouças, no Abolição IV, há algumas semanas, foi a própria Rosalba quem puxou Cláudia para próxima de si. Fez rasgados elogios pela sua iniciativa de homenagear a ex-auxiliar da Rosa.

Se o bem-querer das duas vai se transformar em candidatura, não dá para dizer com certeza neste momento, mas as águas de março desaguaram no nome de Cláudia. Só falta agora saber se até o final de abril, ele será finalmente confirmado. Tudo leva a crer que sim. A vereadora é, há mais de um ano, o principal nome dos democratas para a disputa. Faltava só o aval de Rosalba, que começa a aparecer como muito provável.