quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Tiro do PSB contra Josivan saiu pela culatra

Há quem diga que a pesquisa divulgada por setores da imprensa que colocava o reitor Josivan Barbosa (PT) com apenas 0,5% das intenções de voto tinha o único objetivo de derrubar a candidatura do petista e fazer com que a legenda fosse correndo, com o rabo entre as pernas, apoiar a candidatura da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) em 2012. A reação veio imediata: de acordo com o presidente estadual do PT, Eraldo Paiva, o partido não decide candidaturas com base em pesquisa.

E lembrou o caso de São Paulo, onde a senadora Marta Suplicy lidera as pesquisas, porém abrirá mão de se candidatura em nome do ministro da Educação, Fernando Haddad.

Trocando em miúdos: se a estratégia era abater o PT em pleno voo de Josivan, o resultado foi exatamente o contrário, já que Josivan acabou sendo fortalecido pela cúpula petista.


2 comentários:

Anônimo disse...

A candidatura de Josivan preocupa o lairismo por um motivo simples é dessa facção que josivan tira mais votos.Já existem conversas na cidade de que a candidatura de Josivan é a mais difícil para a vereadora Cláudia Regina,pois Josivan é um nome novo e Larissa já vem de três derrotas e não está empolgando o eleitorado a votar em seu nome.

Anônimo disse...

Vamos acabar com esse câncer que já está a mais de setenta anos no poder do 'Pais de Mossoró', o rosadismo. Vamos progredir e deixar que descanse em paz quem já "fez" tanto por nossa cidade. Agora é Josivan. É PT na cabeça.