sábado, 31 de dezembro de 2011

Feliz Ano-velho para todas as pessoas de bem

Se a gente pensar bem esse negócio de “Feliz Ano-novo” não faz o menor sentido. Ora, caro leitor, Kant já nos ensinou que nascemos com uma espécie de filosofia que trazemos no nosso âmago. Algo como se todos tivéssemos um DNA do espírito. E é esse DNA que nos seguirá a vida inteira e sobre ele acrescentaremos todas as nossas experiências, felicidades, frustrações e tudo o mais que formos vivendo. Sendo assim, a meu ver só faz sentido desejar Feliz Ano-Novo a dois tipos de pessoas: a quem está completamente desenganado, seja por infelicidades permanentes ou por nunca ter conseguido ser feliz, ou para um recém-nascido, que ainda terá toda a sua vida pela frente. A quem já conhece o mundo, quem tem saúde e um mínimo de paz na vida, o legal mesmo é desejar Feliz Ano-velho. Porque é exatamente isso que eu, por exemplo, quero desejar...

Revivendo
Ao invés de começar tudo do zero, de pensar em ser uma nova pessoa, desejo que você seja a mesma pessoa que foi em 2006 ou 2007 ou quem sabe antes disso. Quero que no campo pessoal você seja feliz tanto quanto foi neste ano ou no ano passado ou há algumas décadas. Desejo que você tenha a mesma felicidade financeira que alcançou quando comprou sua casa nova, mesmo que isso faça 30 ou 40 anos. Quero que se repitam em 2012 todos os grandes momentos que você viveu.

Esperança
Se a gente pensar direitinho vai entender que na verdade todos nós vivemos de esperan-ça, quando na verdade deveríamos viver de experiências. Senão, vejamos: ano que vem eu tenho esperança de que vou comprar um carro de luxo e andar com mais segurança pelas estradas esburacadas deste nosso Rio Grande do Norte velho de guerra. Certo, mas como eu vou fazer isso se não parar e me lembrar da experiência das compras pretéritas, quando eu joguei um monte de dinheiro fora cometendo os mesmos erros de antes? O que é melhor? Ter esperança de que caia do céu ou agir com a cabeça e usar a experiência a seu favor? 

Deus 
Não se trata de jogar fora o desejo de que Deus guie as nossas vidas, caro leitor. É exa-tamente o contrário. Defendo tudo isso que escrevi acima porque foi o que ele nos ensinou. Sob o céu, todos podemos alcançar graças advindas do nosso Senhor Supremo. Porém, se não fizermos a nossa parte, será que a graça será alcançada? Os nossos padres, pastores e/ou quaisquer outros líderes religiosos nos pedem orações o tempo inteiro por pura perda de tempo ou seríamos nós fazendo a nossa parte, difundindo o bem e o desejo de que as coisas deem certo para nós, a nossa família ou mesmo ao próximo?

Velho
Hoje é o último dia do 19o ano da minha carreira de jornalista. A partir de amanhã começa a contagem regressiva para as duas primeiras décadas. E eu não quero um Feliz Ano-novo, na verdade eu prefiro mesmo é uma Feliz década velha ou felizes duas décadas velhas. Porque o velho também é bom, meu povo. Já pensaram o que seria de nós sem nossos pais, tios, avós, bisavós. Como eles são importantes e nos ensinam tanto?

Felicidade
Eu até entendo que as pessoas querem alcançar a felicidade e por isso se agarram em sentimentos de renovação. Isso é salutar. Mas não precisa esquecer daquilo que se viveu. Todos temos uma história de vida que vai nos perseguir até o fim de nossos dias. Cabe a cada um de nós aprendermos com os erros para tentar não os cometer novamente. Os acertos devemos tentar aglutiná-los.

Feliz
Portanto, caro leitor, tenha um Feliz Ano-velho. Ou, se preferir, tenha um Feliz Ano-com-a-Mesma-Felicidade-dos-Velhos. Ah, e antes que eu esqueça: este desejo não é direcionado a todos vocês. Ele vai apenas para as pessoas de bem, porque as que não conseguem ter Deus no coração, prefiro que tenham um Ano-novo e tentem apagar de suas vidas todo o mal que fizeram ou fazem às outras pessoas. Kant acha impossível, porém ainda existem os milagres.


sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Pastor Martin deve assumir a Assembleia de Deus no RN dia 6 de janeiro



O pastor Raimundo Santanna, presidente estadual da Assembleia de Deus, vai renunciar ao cargo no próximo dia 6 de janeiro. Em seu lugar, o nome mais cotado para assumir-lo é o do pastor Martin Alves da Silva, presidente da congregação em Mossoró. Martin, inclusive, já cuida das instalações da sua família na capital do Estado. A chegada do mossoroense acontecerá em meio a uma forte crise interna.

Polêmica
É que a gestão de Raimundo Santanna está terminando sob muita polêmica. A primeira delas se deu devido ao suposto uso do nepotismo por parte de membros da diretoria atual para tentar se perpetuar no poder. Depois de uma carta divulgada pelo diácono Laurivan de Souza, de grande repercussão em todo o Estado, as nomeações acabaram sendo revistas.

Conselho
Para piorar o período de transição, apareceu ao grande público o relatório do Conselho Fiscal referente ao exercício financeiro de 2010. As contas foram reprovadas com inúmeras irregularidades e indícios de mau uso dos recursos da igreja. O fato gerou a renúncia dos pastores Elizeu Moreira e Edson Neto, que também estariam envolvidos nos supostos casos de nepotismo dentro da igreja. Pastor Martin terá uma senhora missão pela frente.

Sucessão
Com a saída dele teremos sucessão também em Mossoró. Quem deve assumir a maior congregação do interior deve ser um pastor com história ligada à cidade. Fala-se em três nomes: Isac Dias, atual pastor-presidente de Goianinha, Francisco Vicente, número 2 da AD em Mossoró e Francisco Oliveira, atual presidente da Assembleia em Baraúna. Seja qual for o escolhido, a missão é árdua já que Martin teve um trabalho elogiadíssimo e  reconhecido até fora do RN e do país.



quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Grupo de Sandra enaltece matéria da Veja que a favorece: quem te viu e quem te vê

A oposição a Mossoró não se emenda. Pois não é que na edição de hoje há um grande destaque de capa enaltecendo o reconhecimento da revista Veja ao trabalho da deputada federal Sandra Rosado em Brasília? Mas peraí: não era a Veja uma revista sem credibilidade, que só publicava matéria paga com o objetivo de colaborar com a administração municipal?

A pergunta que se faz é essa: e agora? A matéria é paga ou tudo que o grupo de Sandra disse contra a revista Veja era só jogo de cena porque não servia aos seus interesses políticos? Faça a sua escolha, caro leitor. Eu já sei muito bem o que penso a respeito.


Prefeitura de Mossoró terá ponto facultativo nesta sexta-feira (30)


A prefeita Fafá Rosado decretou ponto facultativo o dia 30 de dezembro, nos órgãos da administração pública municipal, em virtude da ante-vespéra do ano novo.

No documento, a Prefeitura de Mossoró enfatiza que o ponto facultativo dos expedientes não implicará em prejuízo a sociedade.

Ainda recomenda aos dirigentes dos órgãos e entidades do Poder executivo Municipal, Autarquias e fundações, para que seja preservado o funcionamento dos dos serviços essenciais afetos às respectivas áreas de competência.

Os serviços públicos essenciais como SAMU, UPAs e serviços urbanos serão preservados e funcionarão normalmente.

O decreto municipal n.º 3 .898 de 26 de dezembro de 2011, baseia-se nos termos do art. 196 da Lei Complementar No. 29, de 16 de dezembro de 2008 – Regime Jurídico dos Servidores Públicos do Município de Mossoró.

A prefeita Fafá Rosado, justifica que “outras esferas de governo estão fazendo o mesmo e buscam atender a uma reivindicação do servidor público que aproveita o tempo para organizar as suas confraternizações em família”, disse.


Aceitando o desafio de Rosalba: buracos na RN-221


A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) conclamou os jornalistas de Natal ontem, a quem achasse buracos nas RNs que publicasse as fotos ou imagens para que o Estado pudesse resolver o problema. Ela disse isso empolgada pelo anúncio de que investiria R$ 114 milhões nas estradas estaduais.

Embora não seja radical em Natal, quero aproveitar para dar a minha contribuição e aproveitar para cobrar do Governo uma solução para o problema. A RN-221, entre Pendências e Porto do Mangue está desse jeito, governadora, desde o inverno de 2010. O de 2012 já está chegando e nada foi feito ainda. Está na hora de fazer alguma coisa.

E olha que não estou falando no trecho que liga Pendências de Baixo com Pendências de Cima, que liga o Vale do Açu à Costa Branca, hoje ligado com uma barreira de piçarro que já está prestes a ser destruída pela força das águas das poucas chuvas que têm caído nos últimos dias.


terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Rosalba volta atrás em decreto que cerceava manifestações na Governadoria

A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) tomou uma medida sensata e voltou atrás do decreto estadual 22.511, que proibia manifestações na Governadoria. O anúncio foi feito no início da noite. A desculpa é de que a iniciativa estava sendo "mal interpretada".

Mas a verdade é que Rosalba voltou atrás devido a enorme repercussão negativa da medida. De "ditadora" a tirânica, ela foi criticada duramente, especialmente pelos sindicatos dos servidores.

Repito aqui o que escrevi na coluna do CORREIO DA TARDE: se Rosalba agiu influenciada por alguém, deveria exonerar sumariamente quem lhe deu a ideia, que além de antipática era inconstitucional e retrógrada. Dos tempos da ditadura mesmo. Ainda bem que ela voltou atrás, para o bem de todos e principalmente dela mesmo.


domingo, 25 de dezembro de 2011

Prefeito de Serra do Mel é preso por assassinato de jornalista

O prefeito de Serra do Mel, José Bibiano de Azevedo, foi preso pela polícia por força de mandado de prisão preventiva expedido pelo desembargador Dilermando Mota. Ele é acusado de mandar matar o jornalista Ednaldo Filgueira, presidente municipal do PT, que tinha um jornal que fazia sérias críticas à administração. O desembargador acatou pedido do procurador-geral do Estado, Manoel Onofre, que pediu a preventiva do prefeito por considerar que em liberdade ele poderia prejudicar o processo coagindo testemunhas.

Ednaldo foi morto no dia 15 de junho passado. A investigação desenvolvida pelo delegado Odilon Teodósio encontrou fortes indícios de participação do prefeito e de outras oito pessoas, todas presas.

A defesa nega a autoria de Bibiano e já tenta soltá-lo através de habeas corpus.


sábado, 24 de dezembro de 2011

Mossoró anuncia que não vai mais bancar a saúde dos municípios da região


O Gerente Executivo da Saúde Benjamin Bento, anunciou oficialmente nesta quinta-feira (22/11) que a partir de janeiro de 2012, só pagará os chamados Plus (gratificações de 100% em cima da tabela SUS) por procedimentos realizados em pacientes de Mossoró e município pactuados. O comunicado foi feito a tarde através de uma entrevista coletiva concedida à imprensa na sede da Gerência e em seguida, através de reunião na II Ursap com prefeitos dos 14 Municípios que Mossoró é pólo.

De acordo com Benjamin, a medida é uma forma de evitar que o financiamento da saúde em Mossoró entre em colapso. “Por três anos estamos pagando esse Plus pelos atendimentos de pacientes de cerca de 60 Municípios. Nosso prejuízo chega a R$ 7 milhões por ano, dinheiro que poderia está sendo usado na melhoria da rede municipal”, comentou o gerente de saúde.

O problema é mais grave na obstetrícia. Só para se ter uma ideia, de janeiro a outubro desse ano, Mossoró realizou pagamento de Plus por 4.730 partos, quando na verdade, 1.969 partos foram de pacientes de outras cidades.

“Uma cidade como Baraúna pactuou conosco 48 partos de alto risco por ano, quando na verdade esse município envia cerca de 40 mulheres por mês para parir em Mossoró e o nós pagamos a conta”, exemplificou Benjamin esclarecendo que o Município não deixará de prestar assistência materna na cidade.

“Mesmo sem ter maternidade, Mossoró garante e garantirá assistência materna. O que não vamos mais fazer é pagar a conta dos outros Municípios porque já fizemos isso por três anos e não temos mais condições de levar á frente essa situação. Também é incorreta a informação de que Mossoró deixará de pagar os Plus porque vamos continuar pagando pelos procedimentos dos nossos pacientes”, reforçou Benjamin.

Uma das saídas para resolver o problema seria uma contrapartida por parte do Governo do Estado. “Natal também paga a complementação dos médicos,só que o Estado assume 60% dessa conta.O Município entra apenas com 40%. Já fizemos esse pedido ao Estado, mas até o momento não recebemos retorno”, destacou Benjamin Bento.

Além das gratificações, a Gerência Executiva da Saúde paga uma tabela diferenciada aos anestesiologistas, além de plantões. Só no mês de abril, o Município repassou para essa categoria mais de R$ 140 mil em incentivos, o que dá mais de R$ 13 mil para cada um dos 11 profissionais que atuam na cidade. “Faço questão de trabalhar com transparência para que a população saiba que o Município está fazendo para garantir a assistência da população. Não é justo dizer que a Prefeita não investe ou que estamos querendo deixar de pagar os profissionais”, falou Benjamin.

Além da obstetrícia, a Gerência da Saúde paga Plus para atendimento oncológico e também pelos leitos de UTIs no Hospital Wilson Rosado.

O PROBLEMA EM NÚMEROS 
 • 4.730 partos foram realizados em Mossoró de janeiro a outubro de 2011
• Desse total, 1.969 foram partos de pacientes de outras cidades
• R$ 329,00 é o valor que o município paga aos anestesistas por procedimento
• R$ 545,73 é o valor que o MS paga por cada parto cesariano
• Mossoró ainda paga R$ 1.024,78 por cada parto cesariano
• No caso de parto de alto risco cesariano, esse valor passa para R$ 1.450,09
• Por cada parto normal, o Município paga R$ 948,20
• Para partos normais de alto risco, esse valor sobre para R$ 1.189,34
• Somente em 2011 foram pagos mais de R$ 5 milhões somente em Plus na Apamim,Centro de Oncologia e Wilson Rosado (UTIs)


Sandra e Larissa não têm apenas o mesmo DNA familiar


O rosadismo tem se esforçado, ao longo dos anos, para tentar desvincular da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) a imagem de que ela é a cópia da sua mãe, a deputada federal Sandra Rosado (PSB). De personalidade forte e afeita a brigas paroquiais, Sandra construiu uma imagem de desgaste na cidade a ponto de ter sofrido a maior derrota política de Mossoró em todos os tempos, quando em 1996 teve 31 mil votos a menos do que a sua adversária à época, a hoje governadora Rosalba Ciarlini (DEM). E com um detalhe: Rosalba foi candidata sem o apoio do Governo do Estado e da prefeitura, enquanto Sandra tinha todo o Governo em seu favor. A estratégia do rosadismo e é tentar “descolar” o desgaste da deputada federal da filha estadual, mas, quem as conhece de perto sabe o quanto as duas são a cópia uma da outra. 

Pessoal
Sandra não sabe discutir as coisas no campo político ou profissional. Para ela, tudo vai parar no campo pessoal. Que o digam milhares de ex-seguidores do seu pai, o ex-deputado Vingt Rosado (in memorian), que hoje não fazem mais parte do grupo por conta da forma arrasa-quarteirão de Sandra fazer política. Larissa age da mesma forma: tem a mesma mania de perseguição da mãe e age igualzinha. Sem tirar nem por.

Exemplo
Quer um exemplo: Larissa deixou de falar com o reitor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), Josivan Barbosa, apenas porque este sonhou um dia em ser prefeito de Mossoró. Para a deputada, o fato de Josivan ter se filiado ao PT e querer ter luz própria é algo incomprensível, inaceitável. Algum larissita mais alienado poderia dizer que Josivan contou com a ajuda de Larissa e Sandra para fazer uma boa administração na Ufersa. E é verdade. Mas daí a ter de beijar os pés das duas, há uma grande diferença.

Personalidade
É fato que a personalidade das duas deputadas não é capaz de admitir crescimento de pessoal que está perto delas a não ser de quem é da própria família. Será que é a toa que a mulher sucedeu o marido, que será sucedida pela filha, que será sucedida pelo irmão? Claro que não. É uma questão de estilo que se explica muito com a velha explicação de Freud de que a personalidade de alguns só permite que os do mesmo sangue tenham a sua confiança. Na política moderna, no entanto, isso pode se tornar um suicídio político.


sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Ironia: adversários usam nome de Rosalba para desgastar candidata

Quem diria: a governadora Rosalba Ciarlini, que foi a grande estrela das eleições passadas no Rio Grande do Norte, hoje é tratada como sinônimo de desgaste.

Um exemplo: os correligionários do prefeito de Macau, Flávio Veras (PMDB), colocaram na vereadora Odete Lopes o apelido de “a Rosa de Macau”, como forma de tentar desgastar a adversária.

Motivo: Rosalba tem rejeição altíssima dos macauenses, a ponto de ser mal falada em cada esquina.

Coisas da política, caro leitor.


Avenida de acesso a Uern ficará pronta em 2012


A prefeita Fafá Rosado garantiu conclusão das obras na Avenida Professor Antônio Campos, via de acesso a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) para o início de 2012.

De acordo com Alexandre Lopes, Secretário de Desenvolvimento Territorial e Ambiental (SEDETEMA), imediatamente após anuncio da empresa vencedora da licitação será dado início as obras que tem prazo de conclusão em torno de 180 dias.

Os serviços na avenida visam melhorar o acesso dos estudantes e demais pessoas que transitam pelo local, por meio da pavimentação e sinalização, e reforçar a segurança com instalação de iluminação adequada.

A obra na localidade representa um compromisso assumido pela prefeita diante de uma antiga reivindicação de professores, funcionários, alunos da instituição e moradores das áreas próximas a universidade. "É um serviço de extrema importância, pois vai facilitar o acesso a UERN e proporcionar mais segurança as pessoas que estudam e trabalham no local, além da população dos arredores", afirmou a prefeita.

"A Avenida também ficará mais bonita e dará uma nova cara a universidade, e foi umas das formas que encontramos para contribuir com essa instituição de ensino essencial para o desenvolvimento de nossa cidade. A Prefeitura está investindo cerca de R$ 1,3 milhão nesta obra", concluiu Fafá Rosado.

De acordo com Carlos Clay, gerente da Infraestrutura, será realizada a pavimentação asfáltica da avenida, sinalização horizontal e iluminação do campus central com instalação de postes com luminárias.

As obras no local foram divididas em duas etapas. Na primeira parte do projeto, foi feita a duplicação da avenida de 1.500 metros, deixando-a com duas faixas de rolamento com seis metros cada uma. Foram colocados 16.400 metros quadrados de pavimento, seis mil metros de meio-fio e um canteiro central separando a mão e contra-mão.

A segunda etapa será o asfaltamento e a iluminação.


quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Tiro do PSB contra Josivan saiu pela culatra

Há quem diga que a pesquisa divulgada por setores da imprensa que colocava o reitor Josivan Barbosa (PT) com apenas 0,5% das intenções de voto tinha o único objetivo de derrubar a candidatura do petista e fazer com que a legenda fosse correndo, com o rabo entre as pernas, apoiar a candidatura da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) em 2012. A reação veio imediata: de acordo com o presidente estadual do PT, Eraldo Paiva, o partido não decide candidaturas com base em pesquisa.

E lembrou o caso de São Paulo, onde a senadora Marta Suplicy lidera as pesquisas, porém abrirá mão de se candidatura em nome do ministro da Educação, Fernando Haddad.

Trocando em miúdos: se a estratégia era abater o PT em pleno voo de Josivan, o resultado foi exatamente o contrário, já que Josivan acabou sendo fortalecido pela cúpula petista.


quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Pesquisa boa para Larissa e ruim para Josivan e Cláudia: por que será?

Não sou de questionar pesquisa, até porque só o faço se tiver o relatório em mãos e não é caso da pesquisa Consult. Porém, alguns fatos merecem questionamento seu, caro leitor. Vou levantar a bola e você me ajuda a interpretar.

Ora,  a candidatura da deputada Larissa Rosado cresceu nas três pesquisas realizadas pelo instituto sempre dentro da margem de erro, de 3,5%. Esse é o primeiro detalhe.

Segundo: também dentro da margem de erro, a vereadora Cláudia Regina (DEM), nome mais viável da situação hoje, oscilou para baixo.

O reitor Josivan Barbosa (PT), que atrapalha os planos da candidata Larissa Rosado (PSB), apareceu com mísero 0,5% de intenções de voto, tanto na estimulada quanto na proporcional.

A vice-prefeita Ruth Ciarlini (DEM), que muitos apontam como suposta "adversária favorita" de Larissa permaneceu aonde estava, com os mesmos 6%.

Resumo da ópera: afora Larissa, quem tem mais o que comemorar com a pesquisa? É coincidência ou os dois nomes que atrapalham o projeto de poder da deputada foram prejudicados com a pesquisa?

Tire suas conclusões, caro leitor. E se quiser, deixe seu comentário aqui. Sem ofensas e sem palavras de baixo calão, por favor.


Inscrições ao concurso público da Ufersa já começaram

A Universidade Federal Rural do Semi-Árido abriu nesta terça-feira, 20 de dezembro, as inscrições para concurso público ao cargo de servidores Técnico-Administrativos. Ao todo, são 101 vagas distribuídas nas classes C, D e E (superior, médio e elementar), nos campi de Mossoró, Angicos e Caraúbas. O concurso terá validade de um ano, podendo ser prorrogado por igual período. Pelo edital 5% das vagas, ou seja, cinco vagas serão destinadas a portadores de necessidades especiais.

As inscrições serão feitas exclusivamente pelo site da universidade: www.ufersa.edu.br/concursos no período de 20 de dezembro a 20 de janeiro de 2012. Quanto a taxa de inscrição será de R$ 60,00 para os cargos de nível superior, R$ 30,00 para os cargos de nível médio e de R$ 20,00 para o único cargo de nível elementar. As provas estão previstas para acontecer no dia 29 de abril de 2012. A nota mínima exigida para aprovação é 6,0. Ainda para os candidatos de nível superior aprovados na prova escrita haverá ainda a avaliação de títulos com caráter classificatório.

As vagas são para Analista de Tecnologia da Informação (Mossoró) 3; Analista de Tecnologia da Informação (Angicos) 1; Analista de Tecnologia da Informação (Caraúbas) 1; Arquiteto e Urbanista (Caraúbas) 1; Arquivista (Mossoró) 1; Assistente Social (Mossoró) 1; Bibliotecário-Documentalista (Mossoró) 2; Bibliotecário-Documentalista (Angicos) 1; Biólogo (Mossoró) 5; Engenheiro/Área Civil (Mossoró) 2; Engenheiro/Área Civil (Caraúbas) 1; Engenheiro/Área Elétrica (Mossoró) 1; Jornalista (Mossoró) 1; Jornalista (Caraúbas) 1; Pedagogo (Mossoró) 1; Pedagogo (Angicos) 1; Pedagogo (Caraúbas) 1; Secretário Executivo (Mossoró) 1; Secretário Executivo (Caraúbas) 14; Técnico em Assuntos Educacionais (Mossoró) 2; Técnico em Assuntos Educacionais (Angicos) 1; Técnico em Assuntos Educacionais (Caraúbas) 1; Técnico Desportivo (Mossoró) 1; Médico Veterinário - Anestesiologia e Terapia Intensiva (Mossoró) 1; Médico Veterinário - Clín Cirúrg de Peq Animais e Diagn por Imagem (Mossoró)) 1; Assistente em Administração (Mossoró) 2; Assistente em Administração (Angicos) 4; Assistente em Administração (Caraúbas) 12; Técnico de Laboratório/Área Química (Mossoró) 6; Técnico de Laboratório/Área Química (Caraúbas) 2; Técnico de Laboratório/Área Física (Mossoró) 1; Técnico de Laboratório/Área Física (Angicos) 1; Técnico de Laboratório/Área Física (Caraúbas) 2; Técnico de Laboratório/Área Mecânica (Mossoró) 1; Técnico de Laboratório/Área Eletrotécnica (Mossoró) 2; Técnico de Laboratório/Área Informática (Mossoró) 1; Técnico de Laboratório/Área Informática (Caraúbas) 1; Técnico de Laboratório/Área Segurança do Trabalho (Mossoró) 2; Técnico de Laboratório/Área Edificações (Mossoró) 3; Técnico de Laboratório/Área Biologia (Mossoró) 2; Técnico de Tecnologia da Informação (Angicos) 1; Técnico em Contabilidade (Mossoró) 1; Técnico em Contabilidade (Caraúbas); Técnico em Audiovisual (Mossoró) 1; Técnico em Audiovisual (Angicos) 1; Técnico em Audiovisual (Caraúbas); Técnico em Segurança do Trabalho (Caraúbas) 1; Técnico em Edificações (Mossoró) 2; Auxiliar de Veterinária e Zootecnia (Mossoró) 1 e, Técnico de Tecnologia da Informação (Caraúbas) 1 vaga.

Confiram o Edital completo e Ficha de Inscrição no endereço eletrônico: http://www2.ufersa.edu.br/sistemas/concursos/publico/exibir_concurso/25


Câmara aprova projeto de Cláudia Regina sobre redução do uso de sacolas plásticas

Preocupada com os danos ambientais causado pelo uso das sacolas e sacos plásticos que tem como substância principal a resina petroquímica, a vereadora Cláudia Regina apresentou Projeto de Lei que estabelece normas para a substituição e recolhimento das mesmas em estabelecimentos comerciais da cidade por embalagens confeccionadas por matéria prima oxi-biodegradável.  A ideia foi aprovada por unanimidade no plenário do Poder Legislativo.

Entidades representativas do Comércio de Mossoró aderiram ao debate sobre a redução do uso das sacolas plásticas, Sindicato do Comércio Varejista (Sindvarejo), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e Associação Comercial (Acim) reuniram os associados para discutir o assunto, que também envolveu os estudantes dos cursos de Gestão Ambiental da UERN e UNP, CONDEMA, Ministério Público e CDL.

Segundo Cláudia Regina, todo o processo de discussão para elaboração desse projeto fortaleceu o movimento pela redução do uso de sacolas plásticas em Mossoró. “O plástico é material muito poluente, demora a se degradar na natureza, por isso, defendemos o material oxibiodegradável, ecologicamente correto. O que nós queremos não é somente a substituição das sacolas plásticas, mas sim o desenvolvimento de uma consciência de preservação ambiental junto a população mossoroense,”, disse a vereadora.


terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Mineiro sobre Mossoró: 'Esse negócio de interferência do PT nacional é lenda'

"Esse negócio de interferência nacional é lenda. A decisão já foi tomada pelo diretório do PT de Mossoró e nós teremos candidatura própria". A declaração é do deputado estadual Fernando Mineiro, que disse não existir condição do PT nacional modificar o que já foi decidido pela legenda em nível local.

Perguntado pelo CORREIO DA TARDE sobre as seguidas interferências da deputada federal Sandra Rosado (PSB) em Brasília, para que os petistas desistam da candidatura do reitor da Ufersa, Josivan Barbosa, Mineiro preferiu diminuir o assunto: "O PT não vai interferir nas decisões dos diretórios. Isso já foi discutido e aprovado internamente", garantiu.

Fernando Mineiro aposta em Josivan Barbosa para qualificar o debate das eleições municipais de Mossoró. Para o deputado, uma das maiores referências estaduais do PT, a presença de Josivan animou o PT e criou uma expectativa muito positiva para a disputa.

"Não tenho dúvidas de que Josivan, como administrador competente e preparado que é, vai colaborar com a campanha do ano que vem. Mossoró está crescendo e merece uma administração moderna e ligada nos anseios da população", argumentou.

Natal
Pré-candidato a prefeito de Natal, Fernando Mineiro prefere evitar esticar o assunto quando se fala em pesquisa. Para ele, o momento atual é de "adequação" do cenário político. "Todos estão trabalhando para viabilizar suas candidaturas. O PT está fazendo isso nos bairros, com muitos grupos discutindo as saídas para o município que vive um péssimo momento administrativo", informou.

Mineiro minimizou o fato da base da presidente Dilma ter vários pré-candidatos. "A base no Rio Grande do Norte não funciona tão bem, afinal de contas aqui o PMDB está aliado ao DEM", ironizou.

Em Natal, além do próprio Mineiro, dentre os partidos base federal também têm pré-candidatos o PSB com a ex-governadora Wilma de Faria e o PDT com o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves.

Para o deputado, a base deverá se unir em torno de um único nome no segundo turno. No primeiro turno isso é impossível especialmente diante das circunstâncias locais.


Prefeito de Guamaré vai se licenciar do cargo por 30 dias a partir de sábado

A prefeitura de Guamaré será comandada pelo presidente da Câmara, Emilson Borba (Lula), de 24 deste mês até o dia 23 de janeiro. É que o prefeito Auricélio Teixeira apresentou pedido de licença à Câmara na edição da última terça-feira. Ele ficará afastado do cargo neste período.

A manobra é vista como mais uma dentro do processo de articulação da candidatura do cunhado de Auricélio, Hélio Willamy, o nome do governismo na disputa. Como este blog já informou em primeira mão, há alguns dias, Auricélio irá renunciar para garantir a possibilidade de Willamy ser candidato.

Este blogueiro mostra matéria completa sobre o assunto nesta quarta-feira, na edição do jornal CORREIO DA TARDE. Acesse e confira: www.correiodatarde.com.br, a partir das 18h de amanhã.


Mineiro nega incoerência sobre remanejamento do Orçamento


Recebi ontem uma ligação do deputado estadual Fernando Mineiro (PT) rebatendo artigo que publiquei no CORREIO DA TARDE e aqui no blog cobrando coerência dele a respeito da votação da suplementação orçamentária do Rio Grande do Norte. Ele está defendendo que o Governo só possa remanejar sem autorização da Assembleia Legislativa 5% do total geral da receita.

No comentário escrito aqui disse que Mineiro estaria sendo incoerente porque durante o Governo Iberê ele teria defendido 15%. O deputado garante que em nenhum momento dos Governos Wilma e Iberê, que tiveram o seu apoio, ele defendeu mais de 5%. Ele contou, inclusive, que foi voto vencido dentro da base governista — que ele era líder — com relação aos 5%. “Eu não fui nem estou sendo incoerente porque eu sempre defendi esse percentual”, resumiu.

Recado dado, deputado.


segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Flavinho diz não entender polêmica sobre seu nome na procissão de Santa Luzia

O vereador Flávio Tácito (Flavinho-DEM) disse não entender o porquê de tanta polêmica em torno da lembrança do seu nome durante a procissão de Santa Luzia. “Ora, eu trabalho há mais de 30 anos nas comunidades de Mossoró e em todos os anos participo ativamente de toda a programação não apenas de Santa Luzia, mas de vários outros santos da Igreja Católica em Mossoró”, argumentou o vereador.

Flavinho disse estar tranquilo quanto às queixas inclusive de alguns colegas seus quanto ao episódio. “Se existiu ciúme por parte de alguns, só posso lamentar porque ali não havia palanque político, apenas um reconhecimento do trabalho que realizo nas últimas décadas”, explicou.

O parlamentar, que está em seu primeiro mandato, lembrou que ele tem atividade permanente dentro das comunidades católicas. “Eu sou membro das comunidades muito antes de pensar em entrar na política. É a mesma coisa que acontece com outras atividades profissionais. Já imaginaram os médicos tendo de deixar de exercer suas profissões por causa da política? Isso não existe”, explicou.

Candidatura
Flávio Tácito disse que com relação à sua reeleição, ele está trabalhando para ampliar a votação de 2008. “Acredito que o povo de Mossoró vai reconhecer o que fizemos nestes quatro anos de mandato. Entendo que vou ter mais votos do que tive na campanha passada”, projetou.

Flavinho argumentou que a sua mudança de partido não irá prejudicar seu projeto. “Alguns amigos demonstraram preocupação porque o DEM tem muitos candidatos com mandato. Porém, em 2012 teremos 21 cadeiras na Câmara. Acredito que a nossa legenda vai renovar os mandatos de todos os colegas”, prevê.


Inscrições ao concurso do INSS começam hoje pela Internet

Começa hoje o período de inscrição para o concurso público do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Estão sendo oferecidas 375 vagas para o cargo de Perito Médico, que exige nível superior em Medicina, e 1.500 vagas para Técnico de Seguro Social (nível médio). De acordo com o edital, divulgado antecipadamente no site da Associação Nacional dos Servidores da Previdência e da Seguridade Social (ANASPS), para o RN foram disponibilizadas 17 vagas para Técnico e uma para Perito.

A remuneração bruta inicial prevista para o cargo de Perito Médico corresponde ao valor do vencimento básico de R$ 4.536,53, acrescida da Gratificação de Desempenho de Atividade de Perícia Médica Previdenciária – GDAPMP, que poderá alcançar o valor de R$ 4.230,40 e R$ 304,00 de auxílio alimentação, totalizando R$ 9.070,93.

Já para Técnico do Seguro Social a remuneração bruta inicial prevista corresponde ao valor do vencimento básico de R$ 532,65, acrescida da Gratificação de Atividade Executiva – GAE, no valor de R$ 852,24, e também da Gratificação de Desempenho da Atividade do Seguro Social – GDASS, que poderá alcançar até R$ 2.808,00, além do auxílio alimentação no valor R$ 304,00, totalizando R$ 4.496,89

As inscrições serão feitas através do site da Fundação Carlos Chagas, banca organizadora do certame, ou nos Postos de Inscrição credenciados pela FCC relacionados no Anexo III do edital. Os interessados podem se inscrever no período de 10h do dia 19 de dezembro até as 14h do dia 11 de janeiro , observado o horário de Brasília. As taxas de inscriçã0 R$61,70 para Perito Médico e R$51,70 para Técnico podem ser pagas também até o dia 11 de janeiro.

A previsão é que as provas sejam realizadas no dia 12 de fevereiro de 2012. Para técnico serão 60 questões divididas entre os seguintes assuntos: 20 questões de conhecimentos gerais (Ética no Serviço Público, Regime Jurídico Único, Noções de Direito Administrativo e Constitucional, Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Noções de Informática) e 40 questões para Conhecimentos Específicos.

Já para Perito Médico serão 80 questões dividas em 30 para Conhecimentos Gerais (Língua Portuguesa, Ética no Serviço Público, Noções de Direito Administrativo e Constitucional) e 50de Conhecimentos Específicos, além da Prova de Títulos.


domingo, 18 de dezembro de 2011

Operação 'De Rombo' fecha nove bares e lanchonetes que promoviam bingos e vísporas em Mossoró


Uma operação denominada “De Rombo”, realizada pelo Ministério Público e que contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil e Corpo de bombeiros, na noite de ontem, resultou no fechamento de sete bares e lanchonetes onde funcionavam jogos de bingos e vísporas em Mossoró.

Nove estabelecimentos estavam sendo monitorados pelo Ministério Público, mas dois se encontravam fechados no momento da operação, que envolveu cerca de 50 agentes de polícia.

Todo material utilizado para realização dos jogos, como cartelas, equipamentos de som, monitores de LCD, computadores, foi conduzido para a delegacia de plantão. Cerca de 50 pessoas que foram flagradas nos estabelecimentos, no momento da abordagem, também foram conduzidas para a delegacia.

O promotor Romero Marinho vai apresentar o resultado da operação para a imprensa de Mossoró às 8 horas da manhã desta segunda-feira (19), no auditório da promotoria pública no Centro.

* Com informações do site O Câmera. Foto: Marcelino Neto


sábado, 17 de dezembro de 2011

Pressionada pelo MP, Rosalba anuncia exoneração do diretor-geral do Detran


A governadora Rosalba Ciarlini (DEM) avisou no início da noite de hoje, via assessoria do Governo, que no Diário Oficial do Estado deste sábado vai exonerar o diretor-geral do Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN), Érico Valério Ferreira de Souza, e o chefe de Gabinete Arlindo do Nascimento.

Érico, para quem não sabe, é filho do desembargador Expedito Ferreira de Souza, um amigo de longas datas de Rosalba e do seu esposo Carlos Augusto Rosado (DEM). O agora ex-diretor do Detran foi criado praticamente dentro da casa de Rosalba, mas, devido a pressão do Ministério Público, que apontou suposto recebimento de R$ 88 mil de empresas ligadas à Operação Sinal Fechado, ela não teve outra saída. 

Envolvimento
Érico Ferreira de Souza foi exonerado pela governadora Rosalba Ciarlini por ter seu nome envolvido na Operação Sinal Fechado. Ele foi indiciado pelo Ministério Público por suposto envolvimento no esquema. Não diretamente, mas por responsabilidade. Ele teria sabido de irregularides e “fechado os olhos” e ainda se beneficiado diretamente com o suposto recebimento de propina.


sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Orçamento: Mineiro e Márcia são contra o que defenderam no passado

Se os políticos brasileiros não existissem precisariam ser inventados. Pois não é que os deputados Fernando Mineiro (PT) e Márcia Maia (PSB) estão lutando para que os percentuais de remanejamento do Governo Rosalba Ciarlini (DEM) não ultrapassem os 5%? Ora, caro leitor, quem não se lembra da briga de Mineiro, líder do Governo e da deputada Márcia Maia, filha da ex-governadora Wilma de Faria (PSB), para aumentar os 5% para 15%?

Trocando em miúdos: a oposição no Rio Grande do Norte é feita pela oposição e para a oposição. Nada mais do que isso. Como a coluna pode pensar diferente se o que era bom para Wilma e Iberê agora é ruim para Rosalba? É fato que do outro lado acontece o mesmo. A bancada que votou contra agora é a favor.

E nesse jogo de faz-de-conta quem perde é o povo que precisa de um Estado bem administrado.


quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Um balanço do Governo Rosalba Ciarlini

Chegamos a contagem regressiva para o fim de 2011. A primeira quinzena de dezembro termina hoje e a partir de amanhã começaremos a viver os últimos dias do primeiro ano de Governo de Rosalba Ciarlini. E certamente Rosalba gostaria que esse ano fosse apagado. Ela  viveu dificuldades nunca vistas antes na sua carreira política. Teve de engolir muitos sapos, errou muito, administrou o Estado com uma grande dificuldade financeira, é verdade, porém sem conseguir avançar em muitos dos problemas. Cá entre nós, caro leitor: afora pagar os salários em dia, o que mais o Governo conseguiu avançar neste ano? Em praticamente nada, verdade seja dita. Eu destacaria ainda a suspensão da inspeção veicular, que seria um antro de corrupção. Pouco para uma administração que prometeu fazer acontecer.


Retrospectiva
Se fizermos uma pesquisa rápida nas páginas dos jornais a respeito do que aconteceu no Governo Rosalba Ciarlini teremos, infelizmente, veremos 95% de manchetes negativas. E não me venham com a história de que é perseguição. Nada disso. Todas as manchetes negativas foram calcadas em fatos, não há nenhum fato inventado por oposição ou mesmo pelos jornalistas. Que o diga a onda de greves, que não apenas entravou o estado por meses como alcançou marcas negativas terríveis, como o atraso no ano letivo da Uern.

Realidade
A realidade é que nós tivemos um ano que não conseguiu ser nem de ajustes nem de soluções. O Governo passou mais tempo justificando o que não poderia fazer do que fazendo alguma coisa efetivamente, especialmente no que diz respeito aos planos de cargos, carreiras e salários dos servidores. De abril para cá praticamente não tivemos um mês sequer sem greves.

Dívidas
Essa crise dos PCCSs, como já comentei aqui na coluna, já era anunciada. O Governo anterior aprovou uma lei irresponsavelmente, criando reajustes que não teria condi-ções de pagar e ainda deixou o “abacaxi” nas mãos da sucessora. Neste caso, em específico, Rosalba foi muito mais vítima do que algoz. Porém, na administração da saúde financeira do Estado ela deixou a desejar.

Acumulando
Ora, caro leitor, o que não falta são dívidas para noticiar e do atual governo. Que vão desde o não-pagamento do salário integral de algumas categorias até a corte no fornecimento de energia, telefone, internet e outros insumos. A Uern, por exemplo, nunca esteve em situação tão periclitante. É tratada a pão e água desde o início do atual Governo e pelo jeito o será até que assuma um reitor de interesse da Governadoria.

Conclusão
É bom lembrar que essa não é a primeira vez que Rosalba enfrenta um ano terrível. Na sua segunda administração em Mossoró, no ano de 1997 ela teve de tomar medidas drásticas, como a demissão  imediata de quase mil servidores não-concursados, por pressão do Ministério Público. Além disso, ela teve muitas dificuldades financeiras também, por causa dos desmandos administrativos da gestão Dix-huit/Sandra Rosado.

Por cima
Naquela época, Rosalba deu uma grande volta por cima. Saiu de uma rejeição incrível — potencializada pelos veículos de comunicação da própria Sandra, que ironia! — e avançou na administração. Conseguiu vencer e foi reeleita com uma excelente votação, crescendo e chegando ao Governo.

Capacidade
Portanto, caro leitor, Rosalba tem uma capacidade enorme de conseguir reverter cenários desfavoráveis. E todos nós, que queremos o bem do nosso Estado, torcemos por isso. Mas é fato que até agora essa capacidade ainda não se apresentou. O negócio agora é torcer que 1997 se repita para o bem de todos e felicidade geral dos potiguares. Pelo menos dos que querem bem a nossa terra e não a utilizam apenas como trampolim político e pessoal.


MP faz operação para prender fraudadores de concursos públicos no RN

Nesta quinta-feira (15), após quatro meses de investigação acerca de concursos realizados pelas empresas CONCSEL e SOLUÇÕES em municípios do interior do Estado, o Ministério Público do Rio Grande do Norte desencadeou a Operação "Q.I", dando cumprimento a quatro mandados de prisão e nove mandados de busca e apreensão, expedidos pelo Juízo de Direito da Comarca de Martins, resultando na prisão de mais três pessoas em razão de flagrantes de crimes, totalizando sete pessoas presas.

A operação contou com o apoio da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal, com diligências de buscas e prisões simultâneas nas cidades de Natal, Parnamirim, Martins, Mossoró e Severiano Melo, onde 19 Promotores de Justiça e mais de 120 policiais militares cumpriram as ordens judiciais.

A investigação iniciou-se na Comarca de Santa Cruz e posteriormente passou a ser conduzida pela Promotoria de Justiça de Martins juntamente com o Grupo de Atuação Especializada de Combate ao Crime Organizado (GAECO), descortinando uma organização criminosa que atuou na realização de concursos públicos no interior do Estado e, notadamente, no município de Martins/RN no mês de outubro deste ano.

A quadrilha fraudava os concursos públicos através de acordos ilícitos para o ingresso de pessoas no serviço público através do pagamento de "propina" e concessão de outros favores. A investigação comprovou que o esquema comandado pelos sócios da empresa organizadora de concursos públicos CONCSEL, aprovam pessoas indicadas por integrantes dos Poderes Executivo e Legislativo dos municípios ou através do pagamento de valores direto pelo próprio candidato. Os candidatos assinavam gabaritos fraudados, preenchidos pela própria organização criminosa em momento posterior à realização das provas com a marcação de respostas corretas em número suficiente para a aprovação dos favorecidos.

Fonte: Blog do Valderi Tavares (www.blogdovt.com)


Vereador do ano de Mossoró muito bem escolhido


Escrevi aqui neste espaço que a eleição do Vereador do Ano da Câmara Municipal de Mossoró seria uma barbada tendo em vista o trabalho realizado pelo presidente daquela Casa, Francisco José Júnior. E não deu outra: Francisco não só ganhou como fez jus à escolha. Ora, caro leitor, Francisco José Júnior é a grande revelação de 2011.

Apesar da pouca idade, mostra que competência não se adquire apenas com o tempo. Ele assumiu a presidência da Câmara em um momento de muita turbulência do Poder Legislativo e conseguiu pacificá-lo. Além disso, também criou novidades importantes, como a Tribuna Popular, equilibrou as contas da Câmara. Escolha justíssima.


terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Assembleia vota nesta quarta-feira (14) a mensagem sobre subsídios dos PMs e bombeiros

Nesta quarta-feira (14), a Assembleia Legislativa vai votar a mensagem governamental nº 031/2011, enviada pela governadora Rosalba Ciarlini, que trata sobre os subsídios dos Policiais Militares e Bombeiros Militares do Rio Grande do Norte.

Em linhas gerais, a proposição visa estabelecer o regime remuneratório de subsídio para as duas categorias, a partir de reivindicação e consenso entre o Comando das Corporações e as Associações representativas dos praças e dos oficiais.

A medida está em consonância com o §9º do art. 144 da Constituição Federal, que, por sua vez, remete ao §4º do art. 40 da Carta Magna, estipulando o subsídio “fixado em parcela única, vedado o acréscimo de qualquer gratificação, adicional, abono, prêmio, verba de representação ou outra espécie remuneratória”.

A governadora pediu pressa na apreciação da matéria pela importância que o assunto tem para as corporações e, principalmente, para o Estado. O presidente da Assembléia Legislativa, Ricardo Motta, pediu aos líderes partidários a dispensa de tramitação da mensagem para que ela pudesse ser votada nesta quarta.


Flamengo campeão do mundo: trinta anos depois


Hoje, treze de dezembro, dia de Santa Luzia, o Flamengo se tornava o maior do mundo com um time que ficou para a história. Capitaneados só com craques como Zico, Júnior, Leandro, Mozer, Nunes, dentre outros, aquele time foi campeão da Libertadores logo na estreia e depois venceu o Mundial aplicando 3 x 0 no Liverpool, já no primeiro tempo. O Flamengo jogou tanto naquele 13 de dezembro de 1981 que até hoje, mesmo criança à época, lembro como se fosse hoje a festa em casa por causa da vitória flamenguista. Não entendia nada à época, mas hoje sei muito bem que se tratava do maior time de todos os tempos. Aquele Flamengo ganhou tudo que disputou e nós flamenguistas, saudosistas, ainda temos isso vivo na memória, com a certeza de que o manto rubro-negro vestiu alguns dos maiores atletas da história. Salve, Nação Rubro-Negra!


Governo garante que não tem como convocar mais delegados civis


A crise envolvendo os delegados pode se agravar ainda mais. É que o Governo do Estado já anunciou, via secretário-chefe do Gabinete Civil, Anselmo Carvalho, que não tem como convocar todos os delegados aprovados no último concurso público da Polícia Civil. Alega o velho problema da Lei de Responsabilidade Fiscal, no qual o Estado está mergulhado há tempos e não consegue sair.

Problema
O problema é que os delegados regionais já avisaram que vão entregar os cargos coletivamente nesta quarta-feira. O Governo tem tentado dialogar, mas os profissionais se sentem esgotados por estarem assumindo dezenas de delegacias ao mesmo tempo. O fato se agravou desde o Governo passado quando foram retirados, a pedido do Ministério Público, todos os policiais militares das delegacias, especialmente interior afora.

Bola
A situação está se transformando numa grande bola de neve. Os policiais civis também querem ser convocados, assim como os escrivães. O problema é que o Estado só aceita convocar novos policiais para substituir os que morreram ou se aposentaram. Trocando em miúdos: vai trocar seis por meia dúzia, o que não atende à reivindicação das categorias. O impasse, como sempre, trará grande prejuízo à população. Aguardemos os desdobramentos.


segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Paulo Linhares tira dúvidas sobre previdência própria da Prefeitura de Mossoró


O novo regime de previdência criado pela Prefeitura de Mossoró para beneficiar seus servidores deverá estar totalmente implantado dentro de três meses. A previsão é feita pelo jurista Paulo Linhares, que foi oficialmente convidado pela prefeita Fafá Rosado para coordenar o processo. Paulo reúne a experiência de ter sido responsável pela implantação do regime de previdência no Estado, através do Ipern.

Segundo Paulo, serão várias as vantagens que os servidores terão a partir da Previ-Mossoró. “Os servidores vão ganhar muito com a previdência municipal, o principal benefício será a integralidade dos salários, sem que haja redução entre o que a pessoa ganha na ativa e o que passa a receber de aposentadoria”, explicou.

As previdências municipais são determinação da Constituição Federal que delega aos municípios a tarefa de criar mecanismos próprios de previdência para seus servidores. No caso de Mossoró, a Previ-Mossoró foi criada por lei e dentro de 90 dias estará funcionando com um conselho gestor que será formado por representantes dos poderes Executivo e Legislativo e dos servidores.

Fim do fator previdenciário
A Previ-Mossoró não terá o fator previdenciário, que atualmente é usado pelo sistema previdenciário nacional. O fator age como redutor das aposentadorias em prejuízo do trabalhador que não tenha complementado seu tempo de serviço ou não tenha alcançado a idade mínima. Esse fator faz com que na maioria dos casos, o aposentado receba menos do que ganhava na ativa.

Na Previ-Mossoró não haverá este fator e isso assegura que o servidor se aposentará com salários integrais. Há uma garantia que quem se aposentar pela Previ-Mossoró receberá uma aposentadoria sempre maior do que receberia pela Previdência nacional.

Tempo de serviço será aproveitado
 Qualquer servidor que tenha tempo de serviço na previdência social terá seu tempo transportado automaticamente para a Previ-Mossoró. Independente de estar perto ou longe da aposentadoria. “O tempo que ele já tem será automaticamente contado pelo sistema e o servidor se aposentará no tempo correto, sem nenhum prejuízo”, disse Manoel Bizerra secretário de Administração.

Tira dúvidas
Nos próximos dias, no site da prefeitura haverá um link no portal tirando as principais dúvidas dos servidores sobre a Previ-Mossoró. Haverá o espaço para esclarecimento de novas dúvidas que venham a surgir, assegurando completas informações sobre o processo.