terça-feira, 29 de novembro de 2011

Dilma anuncia apoio a Larissa. E agora, Josivan?


A presidente Dilma Rousseff anunciou que virá a Mossoró apoiar a candidatura da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) nas eleições do ano que vem. Disse isso com todas as letras durante a sua passagem por São Gonçalo, ontem. A declaração é um balde de água fria na pré-candidatura do reitor da Ufersa, professor Josivan Barbosa, que depois de receber “apoio irrestrito” do presidente da legenda, deputado Rui Falcão e do deputado federal cearense José Guimarães (PT) ontem teve seu ímpeto freado pela presidente.

Conclusões
O blog chega a duas conclusões que são óbvias: Dilma desautorizou o presidente nacional do PT, que chegou a dizer em Mossoró que a imagem dela e do ex-presidente Lula só poderiam ser utilizadas por Josivan, como candidato legítimo da legenda. E mais: Josivan está no caminho da fritura, em fogo brando, via Brasília. Vamos aguardar para ver o tamanho da repercussão disso.

Presença
Sobre a presença da presidente de Larissa acredito que não vai fazer grande diferença. Não que não seja importante, claro que é. Porém, todo mundo lembra que o presidente Lula, muito mais popular e um dos maiores políticos do mundo hoje, também esteve por aqui. E o efeito nas urnas foi mínimo. A verdade é que essas lideranças nacionais não pesam suficientemente para decidir uma eleição. A eleição de Mossoró é localizada e tem vários ingredientes que “espantam” o poder de influência dos forasteiros.


Nenhum comentário: