sexta-feira, 29 de abril de 2011

Rosalba enfrenta primeira greve de professores do Estado

Após meses de negociações com o governo do Estado sem obter sucesso, os trabalhadores em Educação resolveram entrar em greve. A suspensão das atividades nas escolas da rede já iniciou e não há previsão para fim. A decisão foi tomada em assembleia geral realizada nessa quinta-feira (29), que teve a participação de mais de mil trabalhadores.

O principal fator que estimulou a deliberação foi a solicitação feita pela governadora na última assembleia que teve com a direção do Sinte, nessa quarta-feira (27). Na ocasião, o governo pediu mais 120 dias à categoria para dar uma resposta às reivindicações feitas. Os trabalhadores interpretaram a solicitação do governo como uma jogada para protelar o pagamento dos Direitos.

Entre as principais solicitações da categoria estão, a revisão do Plano de Carreira do Magistério; o pagamento do Plano aos demais servidores, que já foram enquadrados; o cumprimento da Lei que estabelece o Piso Nacional dos educadores; e o pagamento de direitos em atraso.

Calendário de Greve
29/04 (Sexta-feira) - Retorno dos professores às escolas, nos três turnos, para comunicar a comunidade escolar sobre a deflagração da Greve.02/05 (Segunda-feira) - Acampamento em frente à Governadoria a partir das 9h. A atividade será apenas no turno Matutino
03/05 (Terça-feira) - Acampamento o dia todo na Praça Tomás de Araújo, em frente à Assembleia Legislativa
04/05 (Quarta-feira) - Caminhada no Bairro de Felipe Camarão com concentração às 15h em frente a Escola Estadual Maria Queiroz.
05 e 06/05 (Quinta e Sexta-feira) - A diretoria do Sinte fará o mapeamento do movimento no interior e na capital.
09/05 (Segunda-feira) - Plenária de organização da greve, às 9h, na Escola Estadual Winston Churchill.

2 comentários:

Anônimo disse...

GOSTARIA DE SABER, SE NESTAS REINVINDICAÇÕES, ESTA INCLUSO OS PROFESSORES APOSENTADOS? AGUARDO UMA RESPOSTA. OBRIGADA! E MUITO SUCESSOS.

Diário Oficial disse...

Por faovor, quero saber quando é que vai começar as aulas?