quarta-feira, 30 de março de 2011

Presidente da Câmara de Mossoró presta contas dos três primeiros meses

Após três meses à frente da Câmara Municipal de Mossoró, o presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Francisco José Júnior (PMN), ocupou a Tribuna da Câmara nesta quarta-feira (30) para fazer uma explanação do período em que está a frente do Legislativo mossoroense. No início do seu discurso, Francisco José Júnior reafirmou que a sua meta é resgatar a credibilidade deste poder a fim de que a população de Mossoró possa ter uma Câmara mais produtiva.

Para atingir essa meta, o presidente da Casa enumerou uma série de medidas que foram adotadas desde primeiro de janeiro e que tem sido recebida com elogios pela sociedade. Ele ressaltou a implantação da transmissão ao vivo das sessões pela TV aberta, que hoje é o principal meio pelo qual a sociedade pode acompanhar o trabalho dos vereadores. “Pela primeira vez na história de Mossoró, uma sessão da Câmara Municipal está sendo transmitida pela TV aberta, onde todos têm acesso. Essa é uma grande conquista. Hoje, em qualquer ponto de Mossoró, a população pode acompanhar o nosso trabalho, e com isso, as sessões também passaram a ser mais produtivas. Prova disso é que nunca foram apresentados tantas matérias, entre Projetos de Lei, Requerimentos e Indicações nesta Casa”, analisou.

Outro ponto destacado pelo presidente Francisco José Júnior, em seu discurso, foi a digitalização de todos os Projetos de Lei de 2010 e 2011, que está facilitando bastante o trabalho dos vereadores e dos servidores, e que em breve, estará disponível no novo site da Câmara Municipal.

Algumas mudanças administrativas, como a implantação de um sistema de segurança eficaz na Câmara Municipal, o aprimoramento da recepção, que hoje conta com servidores qualificados, a implantação de um sistema de protocolo, a sinalização de toda a Câmara, com placas informativas e crachás também foram citadas pelo presidente da Casa. “À primeira vista podem parecer medidas simples, mas que fazem toda a diferença. Nós legislamos para o povo, e a população muitas vezes se sentia perdida aqui dentro, sem saber onde e como procurar até mesmo o plenário. Agora, com essa sinalização, com o sistema de identificação, não existe mais esse problema. Agora sim, o povo de Mossoró pode dizer que a Câmara é a Casa do Povo”, avaliou.

Francisco José Júnior também falou sobre a publicidade dos atos da Câmara, que está mais eficiente, com resenha em todos os jornais, além de rádios, TV e internet, com publicidade nos blogs e atualização do site da Câmara e do Twitter institucional. “Dessa forma, acredito que toda a população tenha acesso de alguma forma ao que os vereadores fazem aqui na Câmara, ao seu trabalho junto aos bairros, enfim, em defesa do povo”, afirmou.

Como metas da Mesa Diretora, o presidente da Câmara citou a implantação do Portal da Transparência, que está em construção e deve entrar em fase de testes nos próximos dias, e que irá apresentar contas, projetos, licitações, etc. Outros projetos são a Tribuna Popular, Câmara nos Bairros, Câmara nas Escolas, Câmara Cidadã, Câmara Cultural, entre outros, que também serão implantados nos próximos dias, gradativamente.

“Estamos trabalhando muito desde o início do nosso mandato. A mesa diretora tem se reunido para encontrar soluções para os principais problemas da Câmara, e acredito que estamos no caminho certo. Temos consciência de que ainda há muito a fazer, mas vamos continuar trabalhando para conseguirmos colocar as nossas metas em prática. A população pode contribuir com sugestões, acompanhando as sessões no plenário ou através da televisão, ou interagindo através das várias ferramentas disponíveis. Assumimos um compromisso com a população de Mossoró e não vamos descansar enquanto não conseguirmos alcançá-lo, que é resgatar a imagem desta Casa”, afirmou Francisco José Júnior.

* Fonte: Assessoria de Comunicação/CMM

Nenhum comentário: