quarta-feira, 28 de julho de 2010

Dilma acalenta toda a base e não deixa de atacar de novo os adversários do Democratas

Dilma abraça o governador Iberê Ferreira na sua chegada a Natal hoje de manhã

Dilma Roussef cumprimenta Carlos Eduardo Alves no aeroporto Augusto Severo

Na entrevista que concedeu agora pela manhã à rádio 96 FM, de Natal, ao jornalista Diógenes Dantas, a candidata do PT à presidente, Dilma Roussef voltou a bater de frente com os democratas. Desta feita, no entanto, não citou o nome de Rosalba. Preferiu generalizar, falando do partido e às vezes do senador José Agripino. Mas reiterou que o Democratas faz oposição ferrenha em Brasília e fez acusações sérias.

Ficou claro na entrevista que isso será assunto para a propaganda eleitoral. Segundo Dilma, José Agirpino e o Democratas – com Rosalba de quebra, lógico – foram contra o Prouni e votaram contra o Bolsa-Família. O Prouni, para quem não sabe, banca com bolsas totais ou parciais os cursos de nível superior de pessoas carentes em universidades particulares.

Até aqui, nenhum dos dois democratas se pronunciou sobre o assunto.

Quanto aos aliados, nenhuma surpresa. Pediu votos para Iberê Ferreira de Souza (PSB) e Carlos Eduardo Alves (PDT) e também para os seus quatro senadores: Garibaldi Filho (PMDB), Wilma de Faria (PSB), Sávio Hackradt (PCdoB) e Hugo Manso (PT).

Nenhum comentário: