sexta-feira, 26 de junho de 2009

Implantação da classificação de risco melhora atendimento da UPA do Santo Antônio

A classificação de risco na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do bairro Santo Antônio encaminhou em dois dias cerca de 100 atendimentos para as unidades básicas respectivas dos pacientes. A informação é da gerente Executiva da Saúde, Jacqueline Amaral.

Jacqueline contou que terça e quarta-feira o sistema já mostrou a sua eficiência. “Os relatos da direção da UPA são de que com esse direcionamento, evitou-se sobrecarga na UPA, que prestou um serviço ainda melhor. Funcionários, enfermeiros e médicos da UPA ficaram felizes com os resultados apresentados porque foi uma melhoria da qualidade do serviço”, garantiu.

A população também está sendo educada quando procura a UPA para procedimentos que podem ser feitos nas Unidades Básicas de Saúde. “O sistema funcionando como deve ser, ou seja, com as UPAs atendendo somente a urgências e emergências, todos saem ganhando”, argumenta.

A classificação de risco na UPA do Alto de São Manoel ainda não foi implantada porque são necessárias algumas adequações no prédio daquela unidade de saúde. “Quando fizermos essa pequena reforma, o trabalho também começará por lá”, projetou.

Nenhum comentário: